Recital de Higgins ao ‘Rocket’ (6-1) e Trump e Kyren já lutam pela final

Snooker 19-11-2021 03:15
Por António Barroso

Um recital do Wizard of Wishaw (feiticeiro de Wishaw, sua terra natal), John Higgins, ante o seu histórico rival, o inglês Ronnie O’Sullivan, e a expressiva e inequívoca vitória traduzida no 6-1 final, em menos de duas horas de jogo, permitiu na sessão noturna de sexta-feira a John Higgins carimbar o passaporte para as meias-finais da Champion of Champions, prova reservada à elite do snooker mundial e que A BOLA TV transmite em direto, a decorrer em Bolton (Inglaterra) até ao próximo domingo.

 

Uma lição de John Higgins ao ‘Rocket’ que que promete perdurar na memória: Higgins, de 46 anos, número 7 do ‘ranking’ e tetracampeão mundial (1999, 2007, 2009 e 2011) foi professoral e implacável, numa lição de como bem jogar ontem, no 74.º clássico desta variante do bilhar, frente ao rival e também dominador dos panos verdes nos últimos 30 anos, Ronnie (The Rocket), de 46 anos, hexacampeão mundial (2001, 2004, 2008, 2012, 2013 e 2020).

 


Final transmitida em direto e na íntegra no domingo
 

O 6-1 reflete a superioridade imperial de Higgins, numa verdadeira lição ao inglês - uma sombra de si próprio, errático, mas que teve o melhor lugar na sala para assistir e se regalar com o recital do se adversário - na final do Grupo 3 da Champion of Champions.

 

Um jogo que A BOLA TV, para quem não seguiu de madrugada a transmissão em exclusivo para Portugal – e numa boa notícia para os fãs da mais mediática das variantes do bilhar - repete na íntegra na tarde desta sexta-feira, a partir das 13 horas e 25 minutos. Para consumir sem moderação.

 

Outra boa notícia: A BOLA TV transmitirá na íntegra e em direto as duas sessões da grande final, no domingo, dia 21, às 13 e 19 horas – nove parciais para jogar na primeira parte, à tarde, e até possíveis dez na conclusão, na sessão noturna. Um duelo de criar água na boca, à melhor de 19 ‘frames’: o campeão, que levará para casa o cheque de £150 mil (€175 mil) é o primeiro a vencer dez parciais (10-0 a possíveis 10-9)

.

Durante a tarde de quinta-feira, e nas meias-finais deste mesmo Grupo 3, Ronnie batera o campeão mundial de 2015, Stuart Bingham, por 4-2 e Higgins escapou por um fio à eliminação ante o chinês Ding Junhui: perdia por 1-3, mas deu a volta e, com três parciais de rajada, venceu por 4-3.

 

Fato de gala do escocês à noite, a transfigurar-se para granito puro ante Ronnie, como começa a ser tradição nos últimos confrontos (já batera o ‘Rocket’ por 6-5 no corrente mês, nas ‘meias’ do English Open. ‘Breaks’ de 86 e 92 pontos para 2-0, 1119.ª centenária de Ronnie (101 pontos) ainda encostar 1-2, mas o 1-3 ao intervalo inclinou definitivamente o duelo.

 

Momento culminante e decisivo no quarto parcial: com 21 pontos de vantagem após embolsar última bola vermelha, Ronnie falha colocação para embolsar bola rosa e prefere defender, com Higgins a responder na mesma moeda, o inglês a atingir a amarela mas a deixá-la à disposição do escocês, que somou os 27 pontos em cima da mesa para, na bola preta, concretizar o 3-1… quando o 2-2 esteve tão perto.

 

Um golpe duro do qual Ronnie não mais recuperou, falhando bolas no jogo ofensivo curto nada habituais, e vendo o seu adversário capitalizar: a 855.ª centenária (entrada de 100 ou mais pontos) para o 4-1 (127 pontos… e a declinar a preta, terminou na rosa), mais outra entrada de 94 pontos para 5-1, e o final logo no sétimo parcial, frio, justíssimo, genial. De Ronnie, fica a 1119.ª centenária (101 pontos), no terceiro ‘frame’, a encostar então a 1-2. E foi tudo.

 

Definidos os quatro semifinalistas: Judd e Kyren à noite

 

Após imperial exibição e magistral lição de snooker, este temível Higgins defrontará o chinês Yan Bingtao, de 21 anos, 12.º do ‘ranking’, na segunda meia-final, do torneio, na sessão noturna de sábado (19 horas), e que A BOLA TV transmitirá na madrugada de domingo (a partir das 01.25 horas). As meias-finais são jogadas ainda à melhor de 11 ‘frames’, seguindo para a final o primeiro a vencer seis deles (de 6-0 a possíveis 6-5).

 

Mas já na sessão noturna desta sexta-feira (19 horas) será encontrado o primeiro finalista da Champion of Champions 2021, e há a garantia de que será inglês: ou Judd Trump, o ‘Ace in the Pack’, de 32 anos, número dois da hierarquia e campeão mundial em 2019, ou Kyren ‘The Warrior’ Wilson, de 29 anos, quinto da tabela e vice-campeão mundial em 2020.

 

Duelo de titãs a que pode assistir na íntegra e em exclusivo para Portugal às 01.25 horas de sábado n’A BOLA TV, com narração de António Barroso e comentários de Rui Edgar Franco, ex-jogador de pool de Benfica e Sporting, agora atleta de carambola (3 tabelas).

 

Nota final para a razia de consagrados Oito campeões do Mundo começaram a Champion of Champions, e hoje mais dois – e ambos ingleses, Stuart Bingham e Ronnie O’Sullivan – juntaram-se ao lote de triunfadores no Crucible (palco do Mundial) já eliminados no torneio, onde já tinham caído nos três primeiros dias da prova o galês Mark Williams, o australiano Neil Robertson e os ingleses Shaun Murphy e Mark Selby.

 

Restam Trump e Higgins: só podem encontrar-se na final desta prova, não pontuável para o ‘ranking’ e reservada aos vencedores de torneios nos últimos 12 meses (por convite). A ver vamos se o ‘Tigre’ Yan Bingtao e o combativo Kyren Wilson estão pelos ajustes – têm legítimas aspirações e mostraram argumentos.

 

RESULTADOS DA CHAMPION OF CHAMPIONS

 

Grupo 1 (apurado a negro):

Judd Trump-David Lilley, 4-1

Stephen Maguire-Ryan Day, 2-4

Judd Trump-Ryan Day, 6-0

 

Grupo 4 (apurado a negro):

Neil Robertson-Mark Williams, 4-2

Kyren Wilson-Jordan Brown, 4-2

Neil Robertson-Kyren Wilson, 4-6

 

Grupo 2 (apurado a negro):

Mark Selby-David Gilbert, 4-3

Shaun Murphy-Yan Bingtao, 1-4

Mark Selby-Yan Bingtao, 3-6

 

Grupo 3 (5.ª feira, apurado a negro):

Ronnie O’Sullivan-Stuart Bingham, 4-2

John Higgins-Ding Junhui, 4-3

Ronnie O’Sullivan-John Higgins, 1-6

 

MEIAS-FINAIS (à melhor de 11 ‘frames’, até um vencer 6, 6-0 a 6-5):

 

Judd Trump-Kyren Wilson (esta sexta-feira, 19 horas)

Yan Bingtao-John Higgins (sábado,19 horas)

 

FINAL: domingo, dia 21 (13 e 19 horas, à melhor de 19 'frames', até um vencer dez, de 10-0 a possíveis 10-9)

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias