Jovens leões mereciam mais...

Youth League 03-11-2021 15:05
Por Eduardo Pedrosa Marques

 

O Sporting foi derrotado pelo Besiktas (1-2), numa partida com duas partes completamente distintas. Nos primeiros 45 minutos, e apesar de algum ascendente leonino, o conjunto turco conseguiu equilibrar as operações e até sair algumas vezes com perigo para o contra-ataque. Além disso, o Besiktas acabou por ser letal nos momentos mais perigosos que criou, aproveitando para chegar a uma vantagem de dois golos, à passagem dos 20 minutos. Primeiro, e na sequência de um mau passe de Diego Callai, Koray Yagci, astuto, aproveitou o erro do guarda-redes português e inaugurou o marcador. Logo de seguida, Azad Demir, de cabeça, deu a melhor sequência a um cruzamento da direita de Emirhan Delibas e aumentou a contenda.

 

A partir daí, e mesmo com as consequências inerentes aos dois golos sofridos, os comandados de Filipe Pedro passaram a assumir, quase por completo, as despesas do encontro, criando várias situações para marcar ainda antes do intervalo, algo que acabou por não acontecer. Além da ineficácia ofensiva do emblema verde e branco, do outro lado começava a destacar-se Emre Bilgin, guarda-redes que ia defendendo tudo o que havia para defender.

 

A etapa complementar trouxe o melhor Sporting, que não só manteve o domínio, como também conseguiu anular a estratégia de transição ofensiva do Besiktas. Assim sendo, refira-se, Diego Callai foi um mero espectador ao longo de toda a segunda parte. E já depois de ameaçar a baliza contrária, o Sporting chegou mesmo ao golo, beneficiando, no caso, de um auto-golo: na sequência de um lance de Youssef Chermiti pela direita, a bola sobrou para Diogo Travassos, à esquerda, que cruzou para o centro da pequena área, onde apareceu Badra Cisse, infeliz, a desviar para a própria baliza. Estava feito o 1-2 e os leões relançavam-se na luta pela vitória. Ou, no mínimo, pelo empate.

 

O encurtar de distâncias no marcador deu ainda mais vitamina ao Sporting, sendo que, na última meia hora, foi também visível a quebra física em muitos jogadores do Besiktas. O conjunto leonino alugou o meio-campo contrário e foi quase sempre lá que esteve na parte final do desafio, tentando encontrar as melhores soluções para chegar à área adversária. Ora explorando o jogo interior, ora privilegiando a profundidade pelos flancos (com especial destaque para Gonçalo Esteves, à direita), o Sporting criou diversas situações de perigo, teve oportunidades para empatar e, até, sonhar com a vitória, mas a verdade é que na baliza turca estava a grande figura do jogo: Emre Bilgin. E o resultado não mais se alterou.

 

Com este desaire, e aliado à vitória (1-0) do Ajax no reduto do Borussia Dortmund, o Sporting passa do segundo para o terceiro lugar, mantendo os mesmos 5 pontos com que entrou para esta ronda. A liderança do Grupo C é agora uma parceria entre o Borussia Dortmund e o Ajax, ambos com 7 pontos, sendo que o Besiktas, mesmo com o triunfo desta tarde, no Estádio Aurélio Pereira, na Academia do Sporting, em Alcochete, mantém o último posto, com 3 pontos. 

 

Na próxima jornada, a 5.ª, agendada para as 15 horas do dia 24, o Sporting volta a jogar em casa, desta feita diante do Borussia Dortmund, ao passo que o Besiktas recebe o Ajax, em Istambul.

 

Recorde o filme do jogo:

 

Final da partida. Sporting 1 Besiktas 2.

 

90+5 minutos: Substituição na equipa do Besiktas, com a saída de Emirhan Delibas para a entrada de Emre Aydemir.
 

90+3 minutos: Kiko Félix, com um remate acrobático, vê os seus intentos serem negados por um defensor turco, que evita o golo e cede canto.

 

90+2 minutos: Cartão amarelo a Emirhan Ilkhan.

 

90 minutos: Bojan Pandzic, árbitro sueco que dirige esta partida, concede mais cinco minutos de tempo adicional mínimo para esta segunda parte.

 

87 minutos: Dupla substituição no Sporting, com as saídas de Dário Essugo e Youssef Chermiti, para as entradas de Kiko Félix e Martim Marques. 

 

(Terminou há instantes o Borussia Dortmund-Ajax, o outro jogo da 4.ª jornada deste Grupo C, com a vitória do conjunto neerlandês em solo germânico, por 1-0. Com este resultado, o Ajax igualou o Borussia Dortmund no topo da classificação, tendo ambos 7 pontos).

 

84 minutos: Dupla substituição na equipa do Besiktas, com as saídas de Aytug Komec e Koray Yagci, para as entradas de Halil Cicek e Yusuf Oral.

 

83 minutos: Remate cruzado de Diogo Travassos, com a bola a sair muito por cima da barra da baliza de Emre Bilgin.

 

75 minutos: O jogo caminho a passos largos para o seu final, mas o Sporting ainda não desistiu de chegar, no mínimo, ao empate. Os leões têm sido donos e senhores de toda a segunda parte - Diego Callai tem sido um mero espectador... -, não permitindo veleidades ofensivas ao Besiktas, sendo que, além de já terem reduzido a desvantagem, através do auto-golo de Badra Cisse, dispuseram de outras situações para desfeitear Emre Bilgin, guarda-redes turco que tem sido o principal destaque do conjunto forasteiro.

 

75 minutos: Dupla substituição na equipa do Sporting, com as saídas de Lucas Dias e Renato Veiga, para as entradas de Domingos Andrade e Samuel Justo.

 

73 minutos: Cartão amarelo a Burak Yildiz, por atraso na marcação de um pontapé livre.

 

71 minutos: Cabeceamento de Youssef Chermiti à figura de Emre Bilgin. O ponta de lança leonino tem feito (quase) tudo para inscrever o seu nome na lista de marcadores desta partida.

 

67 minutos: Remate de longe de Dário Essugo, defesa de Emre Bilgin para a frente, com Rodrigo Ribeiro, na recarga, a debater-se também com a inspiração do guarda-redes turco. O Sporting vai ameaçando o empate...

 

66 minutos: Arrancada de Youssef Chermiti pela direita, cruzamento para o centro da área, onde Burak Yildiz faz o corte... diretamente para as mãos de Emre Bilgin.

 

64 minutos: Depois de uma excelente recuperação de bola de Dário Essugo, Renato Veiga, de longe, tentou a sua sorte, mas o remate do jovem médio leonino saiu por cima da barra da baliza turca.

 

60 minutos: Substituição na equipa do Besiktas, com a saída de Azad Demir e a entrada de Semih Kilicsoy.

 

56 minutos: Golo do Sporting! Youssef Chermiti cruzou da direita, a bola passou toda a área sem que ninguém desviasse, chegou a Diogo Travassos, à esquerda, que cruzou para um toque infeliz de Badra Cisse para a própria baliza. 1-2.

 

54 minutos: Gonçalo Esteves, depois de mais uma incursão no ataque, fletiu da direita para o centro, tabelou com Lucas Dias, e rematou à entrada da área, mas a bola saiu à figura de Emre Bilgin.

 

52 minutos: Primeira substituição no encontro e para o Sporting. Saída de Mateus Fernandes e entrada de Rodrigo Ribeiro.

 

Nem Filipe Pedro (treinador do Sporting), nem Onder Karaveli (treinador do Besiktas) fizeram substituições nas suas equipas.

 

Início da segunda parte. 

 

O Sporting saiu para o intervalo com uma desvantagem de dois golos, numa primeira parte onde a estratégia do Besiktas funcionou na perfeição: bloco baixo, linhas juntas e exploração das transições ofensivas. A primeira oportunidade de golo pertenceu a Emirhan Delibas, que rematou cruzado, logo aos seis minutos, ligeiramente por cima da barra. Youssef Chermiti, aos 11', deu o sinal de maior perigo da equipa portuguesa, mas o remate do ponta de lança leonino foi defendido, com dificuldade, por Emre Bilgin. O Besiktas voltou a rondar a baliza de Diego Callai, novamente por Delibas que, num livre direto, fez a bola sair muito perto do poste esquerdo. De seguida, e em apenas dois minutos... dois socos no estômago para o conjunto verde e branco: Koray Yagci aproveitou um erro monumental de Diego Callai para abrir o ativo, saindo, depois, da cabeça de Azad Demir o segundo golo dos turcos. 

Os comandados de Filipe Pedro sentiram o toque, mas, na fase final da primeira parte, carregaram em busca do prejuízo, dispondo de várias situações para marcar. Miguel Menino, Diogo Travassos, Youssef Chermiti e Chico Lamba estiveram muito perto de reduzir a desvantagem, algo que acabou por não acontecer, ora por ineficácia dos jovens leões, ora por mérito de Emre Bilgin, guarda-redes turco que tem sido uma das figuras do encontro. 

 

Intervalo. Sporting 0 Besiktas 2.

 

45 minutos: Mais uma grande ocasião de golo para o Sporting! Na sequência de um pontapé de canto de Miguel Menino, e após alguma confusão na grande área turca, Chico Lamba, de calcanhar, tentou a sua sorte, mas Emre Bilgin, com uma excelente estirada, evitou a festa leonina.

 

40 minutos: Iniciativa individual de Gonçalo Esteves, com Diogo Travassos, na sequência, já do lado esquerdo, a cruzar para o centro da área, onde Youssef Chermiti tenta o golo, mas a bola acabou por sair muito perto do poste esquerdo da baliza turca. Grande oportunidade para o Sporting!

 

37 minutos: Cruzamento da esquerda de Diogo Travassos e Youssef Chermiti, de cabeça, atira à figura de Emre Bilgin.

 

33 minutos: Diogo Travassos, lançado em profundidade, preparava-se para ficar na cara de Emre Bilgin, mas Aytug Komec, com um corte providencial, para canto, impediu que o lateral esquerdo do Sporting pudesse visar a baliza contrária.

 

27 minutos: Perdida incrível de Miguel Menino! Gonçalo Esteves fugiu em velocidade pela direita, tirou um cruzamento largo, ao segundo poste, na direção de Miguel Menino, que, com tudo para marcar, rematou... na atmosfera. Grande oportunidade de golo para o emblema verde e branco!

 

Ultrapassada a primeira metade da etapa inicial, o Sporting está a tentar recompor-se dos dois socos no estômago que levou em apenas dois minutos. Primeiro, e na sequência de um erro crasso de Diego Callai, Koray Yagci não teve dificuldades em abrir o ativo; logo de seguida, Azad Demir, de cabeça, fez o segundo para os turcos. Os jovens leões até tinham entrado de forma afirmativa, Youssef Chermiti esteve perto de marcar, mas a verdade é que o cenário inverteu-se rapidamente e, agora, os comandados de Filipe Pedro têm que correr atrás do prejuízo.

 

20 minutos: Golo do Besiktas! Cruzamento da direita de Emirhan Delibas e Azad Demir, ao segundo poste, cabeceia para o 0-2.

 

18 minutos: Golo do Besiktas! Erro de Diego Callai, que coloca a bola no pé de Koray Yagci, que, dentro da grande área leonina, não se faz rogado e atira para o fundo das redes. 0-1.

 

16 minutos: Emirhan Delibas, de livre direto, remata em jeito e faz a bola sair a rasar o poste esquerdo da baliza de Diego Callai. 

 

11 minutos: O Sporting ficou muito perto de marcar! Youssef Chermiti, lançado em profundidade, rematou à entrada da área para defesa muito apertada de Emre Bilgin. Primeira grande oportunidade do jogo para os leões.

 

6 minutos: Emirhan Delibas, com um remate cruzado, de pé esquerdo, dentro da área, atira ligeiramente por cima da barra da baliza de Diego Callai.

 

Início da partida.

 

Sporting: Diego Callai; Gonçalo Esteves, Chico Lamba, Emanuel Fernandes, Diogo Travassos, Miguel Menino, Renato Veiga, Dário Essugo, Mateus Fernandes, Youssef Chermiti e Lucas Dias.

 

Besiktas: Emre Bilgin; Burak Yildiz, Badra Cisse, Aytug Komec, Serkan Terzi, Emirhan Ilkhan, Demir Tiknaz, Berkay Vardar, Emirhan Delibas, Koray Yagci e Azad Demir.

 

Árbitro: Bojan Pandzic (Suécia).

 

Equipas:

 

Os jovens leões entram para esta ronda no segundo lugar do grupo, com 5 pontos conquistados, atrás do Borussia Dortmund, que tem 7. O Ajax segue no terceiro posto, com 4, sendo que o Besiktas está na última posição, ainda sem qualquer ponto conseguido.

 

O Sporting recebe esta tarde, às 15 horas, o Besiktas, numa partida da 4.ª jornada do Grupo C da UEFA Youth League. Acompanhe todas as incidências do encontro aqui, na sua BOLA online.

 

 

Boa tarde!

 

Ler Mais
Comentários (26)

Últimas Notícias