Hepteto luso eliminado no EuroTour de Pool em Antalya

Bilhar 29-10-2021 19:26
Por António Barroso

Os sete jogadores de Portugal ficaram esta sexta-feira pelo caminho no EuroTour de Pool, prova do circuito europeu da modalidade que irá terminar sábado, dia 30 do corrente mês, em Antalya (Turquia), com Sara Rocha (Bracara) a somar um 9.º lugar como o melhor da participação lusa.

 

Na prova desta variante do bilhar, disputada na disciplina de ‘Bola 9’ e em sistema de ‘duplo KO’ – só ao segundo desaire os jogadores ficam fora de prova - Sara Rocha começou por vencer a bielorrussa Marharyta Fefilova na ‘negra’ (7-6), mas um desaire ante a eslovena Ana Gradisnik (5-7) atirou-a para as repescagens, onde, na tarde desta sexta-feira, nova derrota diante da espanhola Amália Matas (2-7) colocou ponto final na participação da bracarense.

 

Ainda na prova feminina, Vânia Oliveira Franco (FC Porto) até começou bem, ao vencer a dinamarquesa Helene Krossgaard Mikkelsen por concludentes 7-2. Derrotas com as polacas Monika Zabek (2-7) e Oliwia Zalewska (0-7) ditaram o final da aventura da portuguesa.

 

Já na prova masculina, em que Portugal contou com um quinteto – Henrique Correia, Miguel Silva, João Sousa, Rúben Alves e Américo Francisco -, destaque maior para o madeirense Miguel Silva (Academia de Bilhar Miguel Silva, Funchal): venceu três de cinco jogos cumpridos.

 

Miguel Silva começou com um desaire (3-9) ante o turco Somet Degirmenci que o atirou para o lado do quadro das repescagens. Aí, venceu o belga Oliver Wiene por 9-2, o turco Tungay Yazanel por 9-5 e o cipriota Osman Sonlisoy por 9-4, antes de cair à beira do quadro final de 32 jogadores, às mãos do italiano Francesco Candela (4-9).

 

Saldo equilibrado – duas vitórias e outras tantas derrotas, em quatro jogos – para o vianense Henrique Correia (Académica de Coimbra). Henrique Correia entrou a vencer o neerlandês Hoo Hoi Leung por 9-7, e depois o cipriota Osman Sonlisoy (9-5). Mas o checo Roman Hybler (7-9) e o sueco Adrian Weiss (5-9) cortaram-lhe cerce quaisquer veleidades.

 

Duas vitórias também em quatro encontros para Américo Francisco (FC Paços de Ferreira): bateu o grego Iannis Charlaftis de entrada (9-6) mas o checo Roman Hybler (6-9) atirou-o para o quadro das repescagens, onde ainda sobreviveu ao primeiro ‘round’, ante o turco Samet Degirmenci (9-7) mas foi eliminado ao segundo, ante o sueco Adrian Weiss (6-9).

 

O mesmo balanço ara Rúben Alves (Lamosa Pool/Casa do Benfica do Algueirão/Men Martins): entrou a perder, diante do espanhol Álvaro Canoniga (3-9) mas manteve viva a esperança com vitórias ante o checo Ladislav Hajsman (9-6) e o turco Mucahit Aslan (9-1). Caiu às mãos do norueguês Ole-Kristian Rudshavn (3-9).

 

Já João Sousa (Boavista) registou duplo desaire, ante o neerlandês Marc Bijsterbosch (3-9) e o alemão Luca Menn (6-9). No total 12 vitórias e 14 desaires em 26 jogos de Portugal.

 

Portugal com oito no Europeu de Pool, de 1 a 11 de novembro na Turquia

 

Antalya e a Turquia vão receber, a partir de segunda-feira, dia 1 de novembro, e até dia 11, os Campeonatos da Europa de Pool, também organizados pela European Billiards and Pool Federation (EPBF) e pela Federação Turca de Bilhar (TBF, em inglês), que vão contar com uma Seleção Nacional de seis elementos - quatro em masculinos e dois femininos, aos quais se junta ainda a participação, a título individual, dos jogadores nacionais João Grilo (FC P. Ferreira) e Carlos Correia (Boavista).

 

Vânia Oliveira Franco (FC Porto) e Sara Rocha (Bracara Academia de Bilhar) vão defender o seu título de bicampeãs europeias por equipas e participar na prova feminina, enquanto em masculinos, além de João Grilo e Carlos Correia, Portugal será representado à mesa ainda por Bruno Sousa (HotShot, Odivelas), que se junta em competição à mesa, a partir de segunda-feira, ao trio masculino selecionado, composto por Américo Francisco (FC P. Ferreira), João Sousa (Boavista) e Miguel Silva (Academia de Bilhar Miguel Silva, Funchal).

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias