«No Benfica senti que não havia vontade de contar comigo»

Benfica 26-10-2021 08:44
Por Francisco Coelho Rodrigues

Pedrinho, atacante brasileiro de 23 anos explica, em exclusivo a A BOLA e A BOLA TV, o que falhou no Benfica e na relação com Jesus, que respeita mas com quem teve dificuldade em lidar. O agora jogador do Shakhtar está a dar que falar na Ucrânia (três golos em 14 jogos) mas quer ver o Benfica vencer a Liga...


- Como está a viver a aventura no Shakhtar Donetsk, que investiu €18 milhões na sua contratação ao Benfica?
- Tem sido experiência muito boa, num clube grande, receberam-me bem, vivo momento importante, a fazer bons jogos. Com a presença dos brasileiros a adaptação acabou por ser muito boa, muito rápida. O tempo também ajudou, não estava muito frio.

- Em 13 jogos, já teve quase tantos minutos como no Benfica...
- Creio que foi muito acertado, queria minutos, queria sentir-me importante para a equipa.

- O que faltou no Benfica?
- No Benfica sonhava jogar, mas sentia que não havia aquela confiança no meu futebol, vontade de contar comigo de verdade. Um jogador quando está sem confiança acaba por render muito menos do que se espera. Não sentia confiança do clube para me colocar a jogar mais minutos, creio que esse foi o fator principal.

 

- Faltaram oportunidades?
 

Leia mais na edição impressa ou digital de A BOLA

Ler Mais
Comentários (24)

Últimas Notícias