Piloto acusado da morte de Emiliano Sala diz viver «atormentado»

Inglaterra 21-10-2021 19:09
Por Redação

David Henderson, piloto de 67 anos, que se encontra no quarto dia de julgamento, iniciado na passada segunda-feira, por negligência na organização do voo fatal do futebolista Emiliano Sala, afirmou viver «atormentado» e «muito ansioso», garantindo não ter passado «um dia ou hora» em que não pense no sucedido.

 

Recorde-se que em janeiro de 2019, a aeronave onde seguia o avançado argentino Emiliano Sala despenhou-se quando voava sobre o Canal da Mancha, no regresso de Nantes para Cardiff, para onde o futebolista tinha sido transferido por verba a rondar os 20 milhões de euros.

 

O ministério público britânico acusa David Henderson de ter agido com negligência na organização dos voos «quando a aeronave não estava autorizada a fazê-lo» e de ter utilizado «um piloto não qualificado ou competente», tendo agido por dinheiro e assim descurado a segurança.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias