«Quando não se consegue igualar a dedicação, concentração e querer…»

Arouca 17-10-2021 21:47
Por Redação

O treinador do Arouca, Armando Evangelista, apontou o dedo à equipa após a eliminação da Taça de Portugal, ao perder com o Leça, nas grandes penalidades.


«Sabemos que, nestes jogos da Taça a superioridade do adversário, às vezes, não é tudo. Quando não se consegue igualar a dedicação, concentração e querer, não adianta de nada ser superior tecnicamente. Acho que passou por aí. Quando existe ambição, concentração e foco, as coisas podem funcionar. Acho que, nesses aspetos, não conseguimos igualar o Leça e o resultado foi o que se viu. Sofrendo um golo, ir buscar o resultado acaba por ser complicado. As equipas fecham-se e defendem-se com mérito, utilizando as armas que têm ao dispor», apontou o treinador.
 

Sobre o impacto que esta derrota por ter na equipa, Evangelista destacou que o objetivo é a manutenção: «Espero que não haja nenhum, até porque o Arouca tem de se focar na manutenção na Liga. Como é óbvio, queríamos ir mais à frente na Taça de Portugal, pois é a prova rainha e dá estatuto, mas não tínhamos ambição de vencê-la. Depois de analisar o que fizemos, vamos esquecer e focar no nosso grande objetivo»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias