«Estou encantado com o Estoril, vou dar tudo por este clube»

Estoril 14-10-2021 02:05
Por Rafael Batista Reis

Foi uma das últimas novidades do plantel e teve de cumprir duas semanas de quarentena antes de começar a trabalhar. Fez o primeiro jogo - e logo como titular - diante do Sporting e não mais saiu da equipa. Em entrevista a A BOLA, Arthur Gomes tece rasgados elogios aos companheiros e ao clube, que pretende ajudar a manter nos primeiros lugares.

 

- Foi um dos últimos reforços a chegar à Amoreira. Como está a ser a adaptação a este novo desafio na sua carreira?

 

- Está a ser muito boa. Os companheiros e o mister têm-me ajudado bastante para que possa encaixar-me rapidamente, entender as filosofias da equipa. Em breve, acredito que vou estar 100 por cento identificado com tudo no Estoril.

 

- À chegada a Portugal foi obrigado a cumprir quarentena de 14 dias por ter viajado do Brasil. Como geriu a situação?

 

- No início foi difícil. Fica-se sem trabalhar e num país novo... Chegamos e não sabemos como vai ser… Mas, felizmente, o pessoal deixou-me super tranquilo, estava sempre a conversar comigo, a deixar a minha cabeça bem e isso foi muito importante para conseguir saber lidar bem com a situação.  Pensei que ia demorar, mas os 14 dias acabaram por passar rapidamente! Foi tranquilo.

 

- Neste momento, o Estoril é a grande sensação da Liga, ocupando o 4.º lugar e tendo apenas perdido com o Sporting. Considera existirem condições para que este Estoril passe de surpresa a certeza?

 

- Claro! A nossa ambição é grande! É o que o mister nos vem transmitindo, ele mostra-se totalmente confiante em nós, sempre colocando na nossa mente que somos capazes de atingir um nível grande, o máximo. No meu caso, ele conversa individualmente e puxa sempre por mim para que eu consiga dar o máximo em todos os jogos, em cada lance e jogada. Isso é o mais importante. Estamos a ir assim, dando um passo de cada vez para que cheguemos à afirmação.

 

- E parece estar a conseguir: desde o desafio com o Sporting participou em todos os jogos até agora. Sente que está no bom caminho para conseguir ter em Portugal a regularidade que conseguiu no Brasil?

 

- Sim, claro. Quando soube da possibilidade de vir para o Estoril pesquisei tudo o que havia para saber sobre a estrutura, sobre o projeto e, claro, fiquei e estou encantado. O Estoril tem um grande projeto, vou dar tudo por este clube para o ajudar a atingir os objetivos definidos e para corresponder à aposta que foi feita em mim. Se o conseguir isso terá reflexos no plano individual. Tenho de manter a cabeça bem e trabalhar muito para que possa atingir o nível máximo aqui. E aprender com todos também!

 

Leia mais na edição digital ou na edição impressa de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias