Pedro Gonçalves surgiu na hora certa

Sporting 18-04-2021 11:05
Por Mário Rui Ventura

Depois de três jogos sem marcar, eis que Pedro Gonçalves voltou a abrir o ketchup e, em duas jornadas, mais dois golos, o último deles absolutamente decisivo, porque significou, por si só, a vitória diante do Farense (1-0).


De facto, há mais de quatro meses que Pedro Gonçalves não marcava por dois jogos (ou mais) consecutivos. A última vez que isso tinha acontecido foi no final do último ano civil, mais precisamente na 9.ª jornada, precisamente diante do Famalicão (2-2), na partida da primeira volta.

 

Nessa altura, o médio de 22 anos abriu o marcador, aos 37 minutos, diante da sua antiga equipa, numa partida em que acabou expulso, aos 80 minutos. Era o ponto final numa sequência absolutamente fantástica de golos de Pedro Gonçalves, que assinou uma sequência de seis jogos consecutivos a marcar - Santa Clara, Gil Vicente, Tondela, V. Guimarães, Moreirense e Famalicão -, que o catapultaram para a liderança dos melhores marcadores do campeonato.

 

Leia mais na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (16)

Últimas Notícias