Adán fechou a baliza e defendeu lugar na história

Sporting 18-04-2021 13:31
Por Mário Rui Ventura

Três defesas apenas, uma delas absolutamente assombrosa, aos 57 minutos, perante o remate de Pedro Henrique. Antonio Adán voltou a ser o melhor em campo para A BOLA na partida com o Farense, nota 9 para o nosso jornal, depois de mais uma exibição do guarda-redes espanhol de 33 anos.


Dos 27 jogos realizados pelo Sporting no campeonato, todos eles com Antonio Adán a tempo inteiro, o guarda-redes espanhol conseguiu manter a baliza a zeros em mais de metade: 16.


Já defendeu um penálti, com o Belenenses SAD (2-1), precisamente o próximo adversário do Sporting, também já fez uma assistência para golo, diante do V. Guimarães (4-0), servindo Pedro Gonçalves. Mas é entre os postes, com um total de 44 defesas realizadas ao cabo de 27 jornadas, que Antonio Adán se tem destacado como figura maior da melhor defesa do campeonato e, agora, da melhor defesa... da história.


Com apenas 13 golos sofridos no final da 27.ª jornada, este Sporting tem a defesa menos batida de todo o seu historial, ultrapassando a marca dos 14 golos atingida em 1996/1997 - o guarda-redes era também ele estrangeiro, o belga Filip De Wilde - e 2006/2007, onde o titular era Ricardo.

 

Leia mais na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (19)

Últimas Notícias