Firas Hussein preparou atentado infiltrado como jogador

Turquia 15-04-2021 17:40
Por Redação

O Conselho de Segurança do Curdistão – região do Médio Oriente que procura a independência e cujo território espraia-se pela Turquia, Irão, Iraque e Síria – anunciou a detenção de Firas Hassan Hammoudi Hussein. Agente do autoproclamado Estado Islâmico (ISIS), o homem preparava um ataque em Erbil, a capital do Curdistão, que está sob o jugo turco.

 

Iraquiano, Hussein chegou à região em 2014 para se infiltrar como… futebolista. Contratado pelo Khabat Club, Firas, o primeiro jogador árabe deste emblema curdo, abandonou a equipa sem justificação quando o ISIS conquistou Mosul (junho de 2014), no Iraque, e regressou algum tempo depois, com instruções para planear um atentado em Erbil.

 

«Era nosso jogador há já algum tempo, o único árabe, e estava a safar-se bem. Era um excelente avançado. Quando o ISIS conquistou Mosul, deixou-nos e regressou algum tempo depois, mas não percebemos nada de diferente», assumiu o presidente do Khabat Club ao Rudaw, jornal da região.

Ler Mais
Comentários (9)

Últimas Notícias