«Chamaram-me nazi por ter criticado Ozil»

Alemanha 05-03-2021 16:45
Por Redação

Toni Kroos esteve esta sexta-feira à conversa com Frank-Walter Steinmer, presidente da Alemanha, no Instagram. Confrontado com o tópico dos insultos nas redes sociais, o médio do Real Madrid revelou um episódio que passou com Mesut Ozil.

 

«Depois do Mundial-2018 fui sincero e disse que não tinha gostado da forma com o Ozil abandonou a seleção. Choveram insultos nas minhas redes sociais e, inclusive, chamara-me nazi por ter criticado o Mesut. Sou loiro, tenho olhos azuis, foi uma imagem perfeita para muitas pessoas. Tive que me abstrair um pouco para ultrapassar essa situação», desabafou o médio germânico.

 

Recorde-se que Mesut Ozil anunciou a saída da seleção em junho de 2018, com fortes críticas de racismo, dirigidas ao presidente da Federação Alemã (DFB). «Sou alemão quando ganhamos, um imigrante quando perdemos», desabafou o então médio do Arsenal, muito criticado pelas exibições no Campeonato do Mundo.

Ler Mais
Comentários (8)

Últimas Notícias