«Sair pelo meu pé? Nenhum pé! Esta crise não tem nada a ver comigo»

Benfica 24-02-2021 14:39
Por Redação

Revoltado. Jorge Jesus voltou esta quarta-feira a dizer que não teve condições para trabalhar quando o clube teve dezenas de casos de Covid-19 e que não tem responsabilidade na crise de resultados em que o Benfica está mergulhado.  

 

«Nestas semanas, nestes meses, fomos alvo de críticas injustas. Como treinador do Benfica serei sempre o responsável pelos bons e maus resultados quando tiver responsabilidade. Podem dizer ‘mas és treinador e não tens a ver com esta crise do Benfica?’ Não, não tenho a ver porque não treinava. Os jogadores estiveram doentes durante dois meses. Em janeiro éramos segundos a dois pontos do Sporting. Tivemos 12 jogadores fora por Covid. Desses 12, 6 ou 7 jogavam regularmente. Houve várias sessões de trabalho, 15, 20, em que não demos treino à equipa», disse, cada vez mais exaltado.

 

«Chegou o limite de eu ler tanta coisa, de me ofenderem. ‘Vai sair pelo seu pé’. Sair do quê? Não tem nada a ver comigo. Vim porque acreditei no projeto, o presidente não tem nada a ver com isto. Parece que isto não é mundial, que não sabem as consequências disto. Quando põe a questão se saio, não vou sair por pé nenhum, não me sinto responsável, nem eu, nem os jogadores, nem o presidente, nem a estrutura. Fomos apanhados. Se eu estivesse a trabalhar e fossem estes os resultados estava aqui para assumir. Só eles [aponta para Pizzi ao seu lado] sabem o que passaram. Uma coisa é ter Covid e estar em casa a fazer teletrabalho, outra coisa é ter Covid e andar a correr», desabafou.

Ler Mais
Comentários (366)

Últimas Notícias