Luís Gonçalves preocupado com suspensão do Moçambola

Moçambola 06-02-2021 11:45
Por António Mavila

Como forma de conter a propagação do novo coronavírus, o Presidente da República de Moçambique, para além do recolher obrigatório para a grande Maputo e suspensão de cultos religiosos, decidiu também pela paralisação do Moçambola.

 

As novas medidas determinadas por Filipe Nyusi surgem na sequência do aumento de casos de Covid-19, um pouco por tudo o país, com destaque para a província e cidade de Maputo, que chegam a registar cerca de 70 a 80 por cento dos casos do país.

 

Entretanto, a decisão da suspensão do Moçambola por 30 dias a partir da próxima jornada deixou preocupado o selecionador nacional de futebol, Luís Gonçalves, que afirma que a suspensão do campeonato vai afetar o plano de preparação dos Mambas para os últimos dois jogos contra as seleções do Ruanda e Cabo Verde, agendados para finais de março próximo.

 

Luís Gonçalves afirma estar preocupado com a decisão de suspensão do Moçambola, dando conta que a medida que será aplicada depois da disputa da quarta jornada, agendada para este fim-de-semana, poderá impactar no seu plano de trabalho e de preparação da seleção nacional.

 

«A Seleção Nacional não pode hipotecar as suas legítimas aspirações na luta pelo acesso ao CAN, que se realiza na última semana do próximo mês, decidir-se-á a qualificação e temos dois jogos com alto nível de exigência frente a Ruanda e Cabo Verde», argumenta.

 

O técnico diz que terá de encontrar alternativas para colmatar a falta de ritmo competitivo dos jogadores.

Ler Mais

Últimas Notícias

Mundos