Camacho e o célebre Espanha-Coreia: «O fiscal de linha estava comprado»

Espanha 22-01-2021 16:50
Por Redação

José Antonio Camacho, antigo treinador do Benfica, era o selecionador espanhol no Mundial 2002. A Roja caiu aos pés da Coreia do Sul - organizou a competição em conjunto com o Japão - nos quartos de final (0-0, 3-5 após grandes penalidades), num jogo que ficou para sempre marcado pela muito polémica arbitragem da equipa liderada pelo egípcio Gamal Al Ghandour. Em entrevista ao programa Ídolos, Camacho faz grave acusação a um dos assistentes.

 

«Um dos fiscais de linha estava comprado e também houve uma passividade muito grande do árbitro principal. Mas esse assistente não tinha as condições mínimas para estar num jogo daqueles, nunca tinha estado numa partida daquela importância, isto para além dos erros pouco normais. Percebia-se que estava bastante condicionado», atirou Camacho.

 

Ler Mais
Comentários (9)

Últimas Notícias

Mundos