Bruno Fernandes responde a Klopp: «Joguei em Portugal, sei o que é dito para pressionar os árbitros»

Manchester United 16-01-2021 12:56
Por Redação

O treinador do Liverpool veio recordar que desde que Ole Gunnar Solskjaer assumiu o comando dos red devils, em 2018, o Manchester United teve 42 penáltis e os reds somente 19. Bruno Fernandes reagiu às declarações Jurgen Klopp e realçou que já está habituado a esse tipo de afirmações.

 

«Joguei em Portugal e quando jogas pelo Sporting, Benfica ou FC Porto, estão sempre a falar sobre esse tipo de situações. Às vezes para colocar pressão sobre os árbitros e outras vezes para fazer barulho nos jornais. Mas, para mim, quando tenho um penálti, faço o meu trabalho», afirmou o médio, em declarações ao The Guardian.

 

Bruno Fernandes assumiu que não está preocupado com o que dizem, mas em ajudar o Manchester United.

 

«As pessoas podem dizer o que quiserem. Mas, para mim e para a minha equipa, o mais importante é continuar a fazer as coisas bem e quando tivermos um penálti, marcá-lo. Não oiço os outros e honestamente não quero saber.»

 

O internacional português também criticou aqueles que desvalorizam a dificuldade de marcar os castigos máximos.

 

«Uma coisa que vi nas notícias no outro dia foi que Raheem Sterling falhou os últimos três penáltis do Manchester City. Pelo que mostra que não é fácil marcar um penálti. É algo que tens de trabalhar, onde tens de estar focado e fazer o teu trabalho. É muito claro. Isto não quer dizer que Raheem Sterling não seja bom a marcar um penálti porque falhou três de seguida. É algo que pode acontecer. Também me poderia acontecer, mas o mais importante é não ouvir o que as pessoas dizem, porque os penáltis fazem parte do jogo para todos.»

 

O Liverpool recebe, no domingo, o Manchester United.

Ler Mais
Comentários (21)

Últimas Notícias