O aviso de Jesus: «Têm de se aguentar à bronca»

Benfica 30-10-2020 00:08
Por Redação

Jorge Jesus assegurou que não houve qualquer manifestação de desagrado por parte de Gabriel quando recebeu ordem para substituição, nem o técnico do Benfica permitiria que fosse de outra forma.

 

«Querem arranjar um problema onde ele não existe», começou por dizer em conferência de imprensa quando confrontado com o assunto. E explicou: «Ele não se manifestou, fui eu que lhe disse: ‘estamos a ganhar 2-0 e não a perder, escusas de vir a correr tão depressa’. Os jogadores que se expressam dessa forma não têm hipótese nenhuma de trabalhar comigo. Não foi o caso. Eles sabem perfeitamente como eu sou. Mas isso faz parte do futebol: nenhum jogador gosta de ser substituído.»

 

«Os jogadores podem não ficar satisfeitos, mas têm de se aguentar à bronca. Se se expressam assim comigo, têm os dias contados. Não foi o caso do Gabriel», rematou.

 

 

Ler Mais
Comentários (50)

Últimas Notícias