A análise de Pedro Martins e Villas Boas ao duelo em Atenas

Liga dos Campeões 22-10-2020 10:16
Por Redação

Um golo solitário de Hassan, aos 90+1’, permitiu ao Olympiakos, de Pedro Martins, sair vitorioso da receção ao Marselha, de André Villas Boas, na jornada inaugural do Grupo C da Liga dos Campeões, que integra ainda FC Porto e Manchester City.

 

«Estamos felizes, merecemos e estamos orgulhosos da equipa. É um grande início, mas só isso. Temos de continuar fortes. Mas ninguém duvide que o Olympiakos quer apurar-se. Ao lançar Fortounis e Hassan arrisquei, mas decidi assim porque merecíamos o melhor, tivemos de ir a matar», salientou Pedro Martins.

 

Para Villas Boas, o empate sem golos teria sido o resultado justo.

 

«Estou muito desiludido, devia ter acabado 0-0, com um ponto para o Marselha. Temos de aceitar. Tivemos ocasiões e precisamos de criar mais. Penso que é sempre o caso de que o primeiro a marcar ganha. Foi pena que tivesse acabado assim, com Amavi a perder o controlo. Isso matou-nos», lamentou.

Ler Mais
Comentários (15)

Últimas Notícias