«Temos valores que não abdicamos, não vamos jogar sujo»

Sporting 17-10-2020 23:37
Por Redação

Visivelmente incomodado com a arbitragem de Luís Godinho, Frederico Varandas esteve no auditório Artur Agostinho para falar com os jornalistas. O presidente do Sporting deixou duras críticas à atuação do árbitro, nomeadamente no penálti sobre Pedro Gonçalves não assinalado e expulsão de Zaidu revertida aos 45+1’.

 

«Hoje o Sporting está triste porque perdeu dois pontos e o futebol português deve estar triste porque teima em não mudar. Já vi o lance várias vezes e faço uma pergunta. Sabem quando é que este lance era revertido no Dragão ou na Luz? Nunca. O árbitro vê um empurrão nas costas e assinala. O VAR começa a questionar se há intensidade, mas há necessidade? O VAR só deve intervir num erro grosseiro. Eu vi em Tondela o Doumbia ser pisado, o árbitro mostrou vermelho e o VAR chamou e reverteu para amarelo. Em Moreira de Cónegos há um penálti claríssimo [sobre o Coates], o VAR chamou, o árbitro foi ver as imagens e não achou. São estas coisas que acontecem no futebol português, mas sobretudo ao Sporting. O Zaidu tinha que ir para a rua com um vermelho direito por um pisão que o VAR não vê», começou por dizer.

 

Frederico Varandas visou também os outros grandes.

 

«Portugal tem tudo para ser um país fantástico, mas infelizmente, para se triunfar com mérito e trabalho é muito difícil, então no futebol ainda mais. Não interessa se a pessoa foi apanhada em escutas, se há processos judiciais… Se tem poder, se ganhou, todos prestam vassalagem. O Sporting dá todo o apoio ao presidente da arbitragem, mas já disse isto três vezes: se os soldados não prestam, encostam. O Sporting tem valores que não abdica enão vamos jogar sujo, mas se tivermos de gritar bem alto, vamos gritar alto. Quero acreditar que com este valor vamos vencer», concluiu.

Ler Mais
Comentários (143)

Últimas Notícias