«Queremos ser nós a dominar»

Sporting 30-09-2020 19:10
Por Redação

Emanuel Ferro, treinador adjunto do Sporting, fez a antevisão ao jogo desta quinta-feira (20 horas) com os austríacos do LASK Linz, play-off que dará acesso à fase de grupos da Liga Europa.

 

Derrota com o LASK na época passada, na fase de grupos da Liga Europa: «É incomparável. Não acredito que alguma das equipas, nós ou o LASK, se tenha baseado no que aconteceu no passado. A nossa preparação foi a pensar num jogo decisivo para nós porque queremos estar na fase de grupos. Uma preparação que também teve em conta o que foram os últimos jogos do adversário. É uma equipa que manteve a base principal, os melhores jogadores, é uma equipa intensa, o perfil de jogo mantém muito das coisas do ano passado, embora tenha alterado equipa técnica. Somos uma equipa diferente, mas temos trabalhado com grande ambição, com um grande crescimento da nossa ideia de jogo e acreditamos nisso para fazer um grande jogo e alcançar o nosso objetivo.»

 

Sporting vence de dois jogos sem sofrer golos, LASK vem de vitória por 7-0: «São equipas diferentes. Encaramos cada jogo como um momento competitivo distinto, olhando para as particularidades de cada jogador e do coletivo. Interessa pouco marcar mais ou menos golos, sabemos que as equipas vão apresentar-se com o objetivo de ganhar este play-off. Temos essa intenção olhando para o potencial do adversário, percebendo as suas fraquezas, equilibrando a nossa equipa e querendo apresentar o nosso jogo. Isso é fundamental. Queremos ganhar com a nossa forma de jogar.»

 

Assumir o jogo: «Temos a nossa estratégia, sentimos que temos mais controlo nos jogos que temos feito. A história de um jogo é variável – há momentos em que uma equipa está mais por cima, depois também podemos em momentos fraquejar e dar mais oportunidades ao adversário. Estamos conscientes disso e que é precisamos estar sempre equilibrados, conscientes do nosso objetivo, e levar a nossa ideia de jogo até ao fim. Será um adversário difícil, competitivo, mas queremos ser nós a dominar. Jogamos em casa, temos uma ambição forte, a equipa está muito envolvida, e sente-se capaz para o jogo de amanhã. Isso será decisivo para fazer bom jogo e chegar à vitória.»

 

Bruno Tabata fez um treino. Pode ser opção? «Temos um grupo que tem vindo a preparar-se em termos coletivos. Temos jogadores disponíveis, ativos muito fortes e temos de os aproveitar na medida do possível, sabendo aquilo que poderão dar tendo em conta uma estratégia específica para este jogo.»

 

Onze: «Não vou adiantar nomes em relação convocatória ou ao onze inicial. Num período com tantos jogos em pouco tempo, a gestão é feita ao detalhe e contamos apresentar amanhã o melhor onze para o desempenho da equipa.»

 

Rúben Amorim e jogadores recuperados de Covid-19: «É uma grande satisfação para o grupo que se apresentou forte últimos jogos e estará mais forte com o regresso dos jogadores, do staff e do líder técnico. Queremos estar todos juntos para nos apresentarmos mais fortes em cada jogo. Isso deixa o grupo mais satisfeito e confortável para enfrentar o jogo de amanhã.»

Ler Mais
Comentários (22)

Últimas Notícias