A emoção de Pogacar ao perceber que venceu o Tour (vídeo)

Volta a França 20-09-2020 09:49
Por Fernando Emílio

No contrarrelógio de todas as decisões, Tadej Pogacar (UAD) deu um recital: venceu de forma sublime e conquistou a camisola amarela, ao realizar uma corrida fabulosa que o leva à conquista da Volta à França, alcançando também a camisola da montanha e a da Juventude.


Na luta travada entre o duo esloveno, a juventude de Pogacar (21 anos) suplantou de forma arrasadora a experiência de Roglic (30 anos), que acusou nitidamente a responsabilidade de defender a diferença que detinha de 57 s.

 

Pogacar passa a ser o segundo corredor mais jovem a vencer a Volta à França: o esloveno que completa 22 anos amanhã apenas é suplantado por Henri Cornet, que venceu em 1904 com 19 anos e 352 dias. 


«Estou tão emocionado que não sei o que dizer. Vim apenas para correr o Tour e acabei por vencer. O sonho da equipa era conquistar a camisola amarela antes do último dia e esse sonho tornou-se realidade. Devido aos gritos das pessoas não conseguia ouvir as diferenças de tempo que me davam pelo rádio, sabia apenas que me sentia bem e que estava no máximo das minhas possibilidades. Fizemos o reconhecimento do percurso, conhecia todas as curvas e onde podia acelerar. Estou muito feliz, esta vitória também é da equipa, diretores, massagistas e mecânicos. Todos contribuíram para chegar a este momento inesquecível», palavras de Pogacar, colega de equipa de Rui Costa, que hoje é consagrado em Paris.

 

Para festejar, foi preciso esperar que Roglic chegasse, e nesse momento chegou também a emoção...

 

Ler Mais
Comentários (8)

Últimas Notícias

Mundos