Presidente do Aves clarifica situação do clube

Aves 23-08-2020 21:52
Por Redação

O máximo dirigente do Aves, António Freitas, emitiu um comunicado a explicar a situação em que se encontra o clube.

 

Comunicado da Direção

 

A direção do Clube Desportivo das Aves, na pessoa do seu Presidente, António Freitas, vem esclarecer assuntos de superior interesse para o clube e todos os seus associados.

Sociedade Anónima Desportiva e Equipa Principal de Futebol

 

Face à ausência de comunicação por parte da Sociedade Anónima Desportiva, a direção do Clube Desportivo das Aves requereu uma reunião com caráter de urgência junto da Federação Portuguesa de Futebol, que foi concedida de forma célere.

 

Até ao momento, não foi comunicado oficialmente, por parte das entidades competentes, em que escalão irá competir a equipa principal de futebol.

 

A SAD abandonou por completo as suas responsabilidades no que às infraestruturas diz respeito, nomeadamente, o tratamento do relvado do Estádio. Essa logística tem sido assegurada pelo clube, de forma a salvaguardar o património.

 

Equipa de sub-19

 

A equipa de futebol de sub-19 voltou a pertencer aos quadros do clube, um desejo e anseio de todos os adeptos e direção.

 

A gestão da residencial – que neste momento alberga vários atletas de sub-19 – passou a ser responsabilidade, também, do clube, após entendimento com o proprietário da infraestrutura.

 

Auditoria às contas do CD Aves

 

A auditoria às contas do clube – que foi sendo colocada como hipótese durante o último ato eleitoral – vai mesmo acontecer. A direção do CD Aves justifica esta tomada de posição face:

 

. À situação financeira extremamente frágil em que encontrou o clube, incapaz de responder, sequer, às despesas fixas.

 

. Ao surgimento de avultadas dívidas – a clubes e fornecedores de serviços e bens – contraídas no decorrer dos mandatos da anterior direção.

 

. Aos processos que o clube enfrenta e que impedem esta direção de realizar o projeto para o qual foi eleita.

 

. À não exigência, por parte da direção presidida por Armando Silva, do pagamento de verbas devidamente definidas no protocolo estabelecido entre clube e SAD. O valor em falta ascende a centenas de milhares de euros.

 

À direção do clube cabe ainda informar que:

 

Ainda que o clube não esteja em incumprimento com o Instituto da Segurança Social, é estabelecida uma correlação com as dívidas da SAD, o que faz com que algumas verbas essenciais para a subsistência do clube – oriundas de dinheiros públicos – se encontrem bloqueadas.

 

Será agendada, em breve e em tempo útil, uma Assembleia-Geral Extraordinária para o esclarecimento de todas as questões dos associados.

 

Apesar de todas as contrariedades com que se depara, esta direção está empenhada em que época desportiva 2020/2021 se inicie sem contratempos, salvaguardando o bem-estar de todos os atletas Avenses. Aliás, os trabalhos da formação de futebol e das modalidades de futsal e voleibol já estão a decorrer e foram colocadas em prática inúmeras medidas inéditas, que melhoraram e acrescentaram qualidade aos referidos departamentos.

 

A direção aproveita, ainda, para agradecer todas as demonstrações de apoio por parte dos inúmeros sócios e simpatizantes do honrado Clube Desportivo das Aves.

A Direção do Clube Desportivo das Aves»

Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias