«Quando entra novo técnico há sempre uma esperança»

Vitória de Guimarães 06-08-2020 11:03
Por Miguel Mendes

Tudo para ganhar um lugar em Guimarães. Após um ano e meio no Santa Clara, onde assumiu papel importante na excelente campanha protagonizada pelos açorianos, Francisco Ramos está de regresso ao Castelo após empréstimo que, confessou a A BOLA, o ajudou a afirmar-se no principal escalão. O médio contabilizou 45 jogos, 33 deles nesta última temporada. Registo máximo de uma carreira que começou muito cedo, no FC Porto, no qual ainda chegou a realizar quatro jogos pela equipa principal.


«Sim... foram duas grandes épocas. Históricas para o clube e muito importantes para mim. O clube merece as duas épocas que teve quer pelas pessoas que lá trabalham, quer pelos açorianos . Foram dois anos que jamais esquecerei. A minha intenção passava por me afirmar na Liga algo que consegui . Tenho que agradecer a oportunidade que me foi dada», começou por dizer o médio, de 25 anos, que, agora, após um período de férias, aguarda um contacto vimaranense para se apresentar e lutar por um lugar no plantel:


«Para já estou de férias, a descansar, e a aguardar informações. Sinto-me bem, confiante, e preparado para lutar. Resta esperar.»


A entrada de Tiago Mendes, novo técnico, abre uma nova janela de esperança ao médio, que não esconde a paixão pelo clube:


«Sim. Quando entra treinador novo existe  sempre uma esperança. O Vitória é um clube que admiro muito e qualquer que seja o desfecho da minha situação vou dar o máximo e estar grato pelo que fizeram por mim. Mas, como disse, agora resta-me esperar e aguardar por informações.»


 

Ler Mais
Comentários (13)

Últimas Notícias

Mundos