Jogador turco confessa homicídio do filho

Turquia 12-05-2020 23:55
Por Redação

O caso de Cevher Toktas está a deixar a Turquia em choque. O defesa de 32 anos confessou o homicídio do filho de cinco anos.

 

Segundo o Fanatik, o jogador do Bursa Yldirmispor terá asfixiado a criança durante 15 minutos, levando-a de seguida para o hospital, alegando que a falta de ar era um sintoma de Covid-19. O óbito acabou por ser declarado pouco depois, ainda na unidade de emergências.

 

«Nunca quis o meu filho, desde que ele nasceu. Não sei porquê, mas nunca gostei dele e esse foi o único motivo pelo qual o matei», terá confessado à polícia, deixando ainda um desabafo: «Não tenho nenhum problema mental.»

 

Totkas será agora julgado pelo homicídio da criança, com a acusação a pedir uma pena de prisão perpétua.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (11)

Últimas Notícias