Em isolamento domiciliário, Boris Johnson divulga mensagem de esperança aos britânicos

Reino Unido 01-04-2020 22:56
Por Redação

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, partilhou um vídeo na rede social Twitter numa altura em que está em isolamento domiciliário após ter sido diagnosticado com Covid-19. O chefe do Executivo garantiu que, apesar de estar em casa, está «em constante contacto» com os seus oficiais para dar resposta às necessidades decorrentes da pandemia do novo coronavírus.

 

«Queria fazer-vos o ponto de situação sobre o que o governo está a fazer para enfrentar a epidemia de coronavírus no país e em todo o mundo. Antes de mais, reconhecer que este foi um dia muito triste. Mais 563 casos, um recorde em apenas um dia», lamentou o primeiro-ministro britânico.

 

«Mas não há dúvida de que, se cumprirmos o programa que temos agora definido, se obedecermos às regras estipuladas, vamos conseguir baixar os números e mudar a curva do coronavírus nas próximas semanas e nos próximos meses», acrescentou.

 

«Importámos 397 milhões de equipamentos de proteção individual para cuidar do nosso incrível staff do Sistema Nacional de Saúde. (…) Estamos a aumentar massivamente os testes, o que é muito importante. É através dos testes que vamos conseguir desbloquear o puzzle do coronavírus», salientou.

 

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Últimas Notícias