Bruno de Carvalho predispõe-se a liderar a SAD

Sporting 24-01-2020 15:22
Por Redação

Bruno de Carvalho saiu a público, esta sexta-feira, a predispor-se para liderar a SAD do Sporting. Mais: o antigo presidente diz mesmo que aceita trabalhar ao lado de Frederico Varandas.

«Quero o Sporting estável, a ganhar, a desenvolver-se. Por isso, predisponho-me a ir para a frente da SAD do Sporting, com o Frederico Varandas na presidência do clube. Não quero carros, não quero dinheiro, nada. A não ser quando o Sporting for campeão nacional de futebol. Aí quero receber com retroativos, mas só quando formos campeões nacionais de futebol masculino. Predisponho-me gratuitamente, até tendo como braço direito Salgado Zenha, o atual responsável financeiro», disse Bruno de Carvalho, que falava no seu comentário semanal na Rádio Estádio.
 

«Não interessa se fui expulso ou não. Não coloco condição nenhuma. Já não consigo mais ver esta destruição, esta autêntica guerra civil. Amo muito este clube e não consigo continuar a fingir que estou alheado. Peguei num clube que estava no 12.º lugar, afogado em dívidas, que não pagava salários há três meses, com jogadores a lutar no balneário. No ano seguinte, com um orçamento de 25 milhões, ficámos em segundo, lutámos pelo título e fomos à Liga dos Campeões. Não me venham dizer que não é possível…»

«Não entremos em guerra cívil. Sou sportinguista, não sou sócio, tudo bem.  Não exijo nada. Quero dar, não quero receber», rematou.

Ler Mais
Comentários (433)

Últimas Notícias