PGR instaura 20 processos-crime contra suspeitos de ataques armados no centro do país

Moçambique 10-12-2019 11:53
Por Lusa

A Procuradoria-Geral da República (PGR) de Moçambique instaurou 20 processos-crime contra suspeitos de protagonizarem ataques armados desde agosto nas províncias de Manica e Sofala, no centro de Moçambique, disse hoje à Lusa fonte oficial.

 

Os processos foram abertos todos em províncias do centro do país, nomeadamente em Sofala (11 processos), Manica (8) e Tete (1), detalhou a fonte da PGR, sem avançar muitos detalhes.

 

A Polícia da República de Moçambique (PRM) tem responsabilizado um grupo de guerrilheiros dissidentes da oposição, a autoproclamada Junta Militar da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), pelos ataques.

Ler Mais

Últimas Notícias

Mundos