Pedro Mendes deixa alerta sobre o Rangers

FC Porto 22-10-2019 15:21
Por Pedro Barros

Pedro Mendes desconfia das informações que chegam a Portugal de um suposto momento conturbado do Rangers. O antigo futebolista dos escoceses levantou apenas algumas dúvidas quanto à exibição que o conjunto de Glasgow realizou no terreno do Hearts, no passado domingo, partida que terminou empatada a um golo.

 

«Se começarmos o jogo da mesma forma frente ao FC Porto estamos em apuros», é a frase atribuída ao técnico Steven Gerrard, no final da partida de domingo, que alimentou as páginas e os sites dos tabloides escoceses.

 

Contudo, o conhecimento que o antigo internacional português tem dos corredores de Ibrox Stadium, a mítica casa dos protestantes, leva-o a colocar travão no fatalismo em que ferve o sangue latino perante tão radicais pensamentos.

 

«O Rangers está bem. Está na liderança do campeonato e na fase de grupos da Liga Europa», desenvolve Pedro Mendes, sublinhando que Steven Gerrard está a realizar «um excelente trabalho, com uma mescla de jogadores experientes e outros muito jovens». «Este ano têm muitas hipóteses de voltarem a ser campeões. Ou eles ou o Celtic, pois a luta resume-se praticamente a dois, mas o Rangers está mais forte», prossegue confiante o antigo médio-defensivo, bi-campeão na Escócia, em 2008/2009 e 2009/2010.

 

A costela sentimental parece conduzir Pedro Mendes unicamente pelo lado positivo da apreciação ao desempenho da equipa escocesa, no entanto, o também antigo futebolista do FC Porto - vencedor da Supertaça, Liga e da Champions League em 2003/2004 - encontra variáveis que parecem colocar desconforto na formação britânica baseado naquilo que lhe foi transmitido «por um amigo» que se passeia diariamente pelas ruas de Glasgow.

 

«Não é um empate no Hearts, num terreno habitualmente complicado, que vai atrapalhar a campanha do Rangers. Depois de falar com pessoas conhecidas, parece que a exibição, ao contrário das anteriores, não terá agradado», manifesta Pedro Mendes, que, porém, faz questão de advertir que lá «não olham para as coisas da mesma forma que cá».

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias