Dez anos com o futsal português a crescer

Futsal 19-04-2021 10:30
Por Nélson Feiteirona

Portugal foi campeão europeu de futsal em 2018, vice-campeão europeu  feminino em 2019, foi premiado individualmente com o melhor jogador do mundo (Ricardinho), o melhor selecionador (Jorge Braz), teve um Benfica campeão europeu em 2010 (com 80% de portugueses no plantel) e um Sporting campeão europeu em 2019 (com 65% de portugueses no plantel).

 

De que forma está a crescer a modalidade no País e como todas estas conquistas, em concreto a do Campeonato da Europa da Eslovénia - depois de uma final ganha à Espanha, por 3-2, a 10 de fevereiro de 2018 -, funcionaram como fator para acelerar esse crescimento?


A resposta é dada pelos resultados do estudo Portugal Football Observatory, da Federação Portuguesa de Futebol, a que nos associámos e e em traços gerais aqui apresentamos.

 

Importa sublinhar que, analisando a última década, o futsal em Portugal já se encontrava numa trajetória de crescimento há seis anos, desde 2012/2013, com um aumento nas inscrições, angariação e retenção de atletas; e decréscimo na taxa de abandono.

 

Leia mais na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos