Dupla de eleição está de volta frente ao Moreirense

Sporting 07-12-2019 09:42
Por Redação

Já lá vai mais de um mês desde que Sebastián Coates e Jérémy Mathieu partilharam a última vez o eixo defensivo do leão. Desde 31 de outubro, mais precisamente, que uruguaio e francês não formam a dupla que, desde o início da época 2017/2018, tornou-se intocável em Alvalade e resistiu a mudanças de Direção, treinadores e plantel.

 

A verdade é que desde esse dia, data da vitória forasteira diante do Paços de Ferreira, por 2-1, na 9.ª jornada do campeonato, que o Sporting não tem contado com os dois centrais indiscutíveis. Primeiro por problemas físicos, depois, também, por opção de Jorge Silas.


Logo depois desse triunfo em Paços de Ferreira, Mathieu foi obrigado a parar, com uma lesão muscular nos gémeos da perna direita. A solução passou por Ilori, apenas três dias depois, e resultou na segunda derrota da era Silas, em Tondela, 0-1. Depois, para fazer face à ausência do central francês, o treinador do Sporting optou pelo sistema de três centrais, juntando Luís Neto a Ilori e Coates nos dois jogos seguintes, diante de Rosenborg e Belenenses, ambos vencidos por 2-0.

 

Seguiu-se a paragem competitiva para os compromissos das seleções, período aproveitado para recuperar Mathieu mas... para perder Coates. O central uruguaio lesionou-se ao serviço da sua seleção, num particular diante da Argentina, num lance com Lionel Messi. No regresso a Alcochete, o relatório: lesão muscular de baixo grau na coxa direita, suficiente para afastar Coates das partidas com o PSV, para a Liga Europa, e com o Gil Vicente, para o campeonato, onde Tiago Ilori voltou uma vez mais a ser a alternativa, desta vez atuando ao lado de Jérémy Mathieu. Uma vitória, uma derrota.

 

A partida da passada quarta-feira, novamente diante do Gil Vicente, mas agora para a Taça da Liga, marcou o regresso do central uruguaio às opções. Titular mas ao lado de... Ilori. Mathieu, esse, ficou de fora por opção técnica, também para gerir o esforço de um defesa que, aos 36 anos e com uma lesão crónica, tem vindo a ser alvo de gestão cuidada.

 

Agora, domingo, dia 8 de dezembro, mais de um mês depois, Coates mantém o lugar e Mathieu regressa ao onze inicial de Silas.

Ler Mais
Comentários (18)

Últimas Notícias