Johnny Depp diz que ele é que foi vítima de violência doméstica

Cinema 21-05-2019 21:21
Por Redação

Johnny Depp garante que ele é que foi vítima de violência doméstica durante a relação com Amber Heard, num processo de difamação contra a ex-mulher.

 

Segundo o jornal britânico The Guardian, na declaração o ator norte-americano, 55 anos, acusa Heard de ter falsificado alegadas evidências de agressões físicas, «pintando nódoas negras na cara». 
 

«Tenho negado veementemente as alegações da Senhora Heard desde que ela, em maio de 2016, foi a tribunal pedir uma ordem temporária de restrição», disse o ator, na declaração citada pelo jornal britânico.

 

«Vou continuar a negar as acusações para o resto da minha vida», reforçou, atirando: «Nunca abusei da Sra. Heard ou de qualquer outra mulher». 
 

Além de acusar a ex-mulher de falsificar as agressões, pintando nódoas negras, Depp assegurou também que ele é que foi vítima de violência doméstica.

 

«Ela é que foi o agressor e eu a vítima. Ao misturar anfetaminas medicamente prescritas e outras drogas recreativas com álcool, Amber Heard cometeu inúmeros atos de violência doméstica contra mim, várias vezes na presença de outras testemunhas, que me causaram sérias lesões corporais», acusou.

 

Os advogados de Amber Heard já negaram as acusações de Depp.

Ler Mais

Últimas Notícias