Guterres apela a que não se use força letal na Venezuela

ONU 24-02-2019 18:14
Por Redação

O secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, manifestou-se chocado com as mortes registadas no sábado na Venezuela e apelou a que não se use «força letal em nenhuma circunstância», segundo um comunicado do seu porta-voz.

 

Numa nota publicada este domingo no site da ONU, o porta-voz do antigo primeiro-ministro português, Stephane Dujarric, afirmou que o secretário-geral da ONU «está a acompanhar com preocupação crescente a escalada de tensão na Venezuela».

 

«Ficou chocado e entristecido por saber que alguns civis perderam a vida no contexto dos acontecimentos de sábado. O secretário-geral apela a que se evite a violência a qualquer custo e «que a força letal não seja usada em nenhuma circunstância», lê-se ainda na nota de Dujarric.

 

O porta-voz de António Guterres sublinha também que o líder das Nações Unidas «apela à calma e insta todos os envolvidos a reduzir a tensão e desenvolver todos os esforços para evitar mais escaladas».

Ler Mais

Últimas Notícias