Call of Duty: Vanguard – De regresso ao campo de batalha

Jogos 05-11-2021 18:07
Por Redação

Um dos mais conhecidos first person shooters (FPS) do mundo dos videojogos está de regresso com Call of Duty Vanguard, que está disponível a partir de cinco de novembro na Playstation 4 e Playstation 5 na PS Store e nas habitais lojas.

 

O estúdio Sledgehammer trouxe novidade em todos os modos do jogo. Na história vamos ter acesso à primeira equipa de forças especiais composta pelos seguintes soldados:

 

 

Soldado Lucas Riggs, 20º Batalhão, 9ª Divisão de Infantaria Australiana, Oitavo Exército britânico.

Sargento Arthur Kingsley dos 9º Batalhão de Paraquedas, Exército britânico.

Tenente Wade Jackson, Esquadrão de Escotismo Seis, Marinha dos Estados Unidos.

Tenente Polina Petrova do 138º Divisão de rifles, Exército Vermelho.

 

 

Todos os interessados podem comprar na PS Store. Estão disponíveis três versões:

 

Call of Duty Vangard edição Standard (PS4) que traz o seguinte:

Call of Duty: Vanguard

Diagrama Mastercraft no BOCW/WZ

Operacional Arthur Kingsley no BOCW/WZ

Pack de Armas Frontline

 

Call of Duty Vanguard Cross Gen que traz o seguinte:

Vanguard para PS4/PS5

Diagrama Mastercraft no BOCW/WZ

Operacional Arthur Kingsley no BOCW/WZ

Pack de Armas Frontline

5 horas de 2WXP

 

Call of Duty Vanguard Ultimate Edition que traz o seguinte:

Vanguard para PS4/PS5

Diagrama Mastercraft no BOCW/WZ

Operacional Arthur Kingsley no BOCW/WZ

Pack de Armas Frontline

Pack Task Force One

5 horas de 2XP + 5 horas de 2WXP

Bundle do Battle Pass do Vanguard

 

 

No COD: Vanguard vamos passar por diferentes cenários da Segunda Guerra Mundial e vamos também ficar a saber a história de cada um dos soldados especiais, que têm diferentes características e especializações. Cada um deles é de um país diferente. A ação é sem parar, como é hábito neste tipo de jogos. O jogo está dividido por secções e por distintos cenários. Sem queres estragar a surpresa o COD começa logo com uma cena num comboio em movimento, de noite, que é espectacular. Onde estamos sempre a correr para frente e a saltar de vagão para vagão e a eliminar as tropas alemãs. A missão principal é descobrir tudo acerca do Projeto Fênix, que é liderado pelo nazi Hermann Wenzel Freisinger.

 

A música também é importante para aumentar a tensão e emoção do jogo e foi feita por Bear McCreary, e aqueles que têm os auscultadores Pulse 3D e com o comando Dualsense vão ter uma excelente experiência. A combinação sonora e os efeitos do gamepad são sensacionais. A força das explosões, dos veículos a passarem, dos disparos e dos aviões. O impacto que sentimos ajuda mesmo a dar outra dimensão ao jogo. A Activision também não deixou de fora o feedback háptico e os gatilhos adaptativos, que apenas estão presentes na versão para a Playstation 5.

 

 

O Multiplayer de Call of Duty Vanguard gera sempre bastante expetativa e desta vez vamos ter 20 mapas, sete modos de jogos como, por exemplo, o clássico Deatmatch, Domination, Blitz, Kill Confirmed e Search e Destroy. Uma das novidades é o modo Patrol. Neste temos de capturar e defender um objetivo que está sempre em movimento no mapa.

 

É extremamente difícil, mas divertido. Quando conseguimos capturar temos de continuar dentro do círculo que está a mexer-se ao mesmo tempo que o adversário tenta nos eliminar de todas formas e maneiras. É extremamente frenético. Temos os restantes modos, com combate seis contra seis e 24 contra 24. Todos os «gamers» vão encontrar um modo preferido. A variedade é enorme. Vamos ter também uma enorme diversidade de armas (38) e muita coisa para personalizar.

 

 

Para ter acesso ao modo multiplayer de COD Vanguard os «gamers» da Sony vão precisar terem o Playstation Plus, que é um serviço de subscrição que custa €59,99 por ano, cerca de 5 euros por mês, e que pode ser comprado na PlayStation Store ou carregado através de cartões adquiridos em lojas.  No mínimo oferece dois jogos que podem ser descarregados e mantidos na biblioteca para sempre, desde que mantenha a subscrição ativa. Dá acesso a 100 GB de espaço de armazenamento na cloud para guardar os saves dos jogos e descontos especiais em campanhas na Playstation Store.  

 

 

Os subscritores do PlayStation Plus que tiverem uma PlayStation 5 têm ainda acesso a vários jogos para a PlayStation 4 que definiram uma geração como Batman Arkham Knight, Bloodborne, Fallout 4, God of War, Monster Hunter: World, Persona 5 e muito mais. Estes jogos fazem parte da Coleção PlayStation Plus, que está disponível em Portugal desde o passado dia 19 de novembro de 2020.

 

 

Outro modo de jogo que já faz parte deste «franchise» são os Zombies. Vamos continuar a história de Dark Aether, que começou no Black Ops Cold War. A história gira em torno de um oficial nazi que procurava encontrar no sobrenatural algo que deve vantagem à Alemanha na Segunda Guerra Mundial e procurou por artefactos por todo o mundo. Até descobriu um demónio que lhe concedeu a capacidade para dar vida a soldados mortos e criou assim um gigantesco exército zombie. Aqui vamos entrar em diferentes portais para tentar travar as intenções demoníacas. O jogador terá possibilidade de evoluir tanto as armas como a proteção pessoal e ainda teremos acesso a «perk» nas fontes que não dão certas capacidades. É extremamente viciante, principalmente a jogar com amigos e a tentar passar as hordas de zombies.

 

Call of Duty Vanguard graficamente espelha bem os cenários de guerra, são bastante realistas, as animações e vozes dos atores estão bem integradas, o jogador tem muitas coisas para fazer para além da história, porque pode ir para os modos multijogador e zombies, pelo que é jogo que oferece muitas e muitas horas de diversão.

 

 

Ler Mais

Últimas Notícias