Itália regista redução inédita de doentes nos cuidados intensivos

COVID-19 04-04-2020 20:06
Por Redação

Itália registou, este sábado, pela primeira vez, uma redução do número de doentes nos cuidados intensivos, num dia em que se registaram mais 681 mortos por Covid-19.

 

De acordo com a proteção civil italiana, com os 681 registados nas últimas 24 horas, perfazendo um total de 15.362 vítimas mortais na sequência do novo Coronavírus.

 

Desde o final de fevereiro, altura em que a epidemia se começou a propagar em Itália, fazendo do país o líder da tabela de vítimas mortais, a curva tem-se mantido ascendente.

 

Por isso, a proteção civil destacou hoje, sábado, a redução inédita do número de doentes internados nos cuidados intensivos dos hospitais: são hoje 3994, menos 74 do que na sexta-feira (4.068).

 

«É uma notícia importante, porque permite aos nossos hospitais respirarem. É a primeira vez que esse número baixa desde que asseguramos a gestão desta emergência», clarificou Angelo Borrelli, chefe da proteção civil italiana.

 

O número total de doentes, mortos e curados em Itália é agora de 124.632, tendo-se registado um aumento de 4805 novos casos nas últimas 24 horas.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Últimas Notícias