Alemanha recua e admite que máscaras de protecção podem ajudar

COVID-19 03-04-2020 11:58
Por Redação

O Instituto Robert Koch, entidade responsável pela prevenção e controlo de doenças na Alemanha, mudou a sua posição sobre a utilização das máscaras faciais em espaços públicos e defende agora que podem ajudar a conter a propagação do novo coronavírus.

 

Anteriormente, o Instituto defendia que só pessoas com infeções respiratórias é que deviam usar este tipo de proteção no nariz e boca, mas os investigadores reconheceram que esta medida pode reduzir o risco de transmissão e a máscara deve ser usada por pessoas sem sintomas.

 

«Algumas pessoas infetadas não ficam doentes (assintomáticos), mas ainda podem transmiti-la a outras. Nesses casos, o uso preventivo de máscaras pode ajudar a diminuir o risco de transmissão», revelou a entidade oficial alemã.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Últimas Notícias