Grande Prémio de Portugal Bottas mantém-se à frente no terceiro treino livre

Fórmula 1 24-10-2020 12:36
Por José Caetano

Valtteri Bottas, no F1 W11 #77 da Mercedes-AMG, realizou a volta mais rápida na terceira sessão de treinos livres para o Grande Prémio de Portugal, 12.ª ronda do Mundial de Fórmula de 2020. O finlandês terminou o programa de 60 minutos com o melhor registo do fim de semana no Circuito de Portimão, até ao momento, percorrendo os 4,653 km do Autódromo Internacional do Algarve (AIA) em 1.16,564 m. Ontem, o piloto da escuderia alemã conseguiu 1.18,410 m durante a manhã e 1.17,940 m no período da tarde. A qualificação para a corrida de amanhã realiza-se hoje, entre as 14h00 e as 15h00.

 

O terceiro treino livre acabou precocemente, a cerca de 1 minuto do tempo limite da sessão, devido a problema com tampa do sistema de escoamento de água do circuito, que saiu do lugar após a passagem de monolugar, o que impediu muitos pilotos de cumprirem mais 4,653 km ao Circuito de Portimão. Lewis Hamilton, por exemplo, encontrava-se, no início de volta rápida… O britânico da Mercedes-AMG, no F1 W11 #44, terminou a sessão na 2.ª posição, a 0,026 s de Bottas, registo que permite antever uma luta a dois na qualificação. Nas primeiras 11 corridas da temporada, só a escuderia alemã arrancou da primeira linha da grelha de partida, nove vezes com Hamilton e duas com Bottas…

 

Na terceira sessão de treinos livres, introdução de regras novas para a violação dos limites da pista, após a anulação de 124 tempos (!) nas duas sessões de sexta-feira. O desconhecimento de circuito novo no calendário do Mundial, somado aos problemas de aderência originados pelo asfalto novo, com muitas equipas e pilotos a queixarem-se de problemas de tração, explica número tão elevado de ‘infrações’ e… piões! O problema manteve-se hoje de manhã e nem Hamilton escapou a passagem pela gravilha, na curva 8.

 

Pierre Gasly foi a surpresa da sessão. O francês estreou chassis da AlphaTauri, que substituiu o monolugar consumido ontem pelo fogo, parcialmente, devido a problema elétrico na unidade de potência da Honda, mas a troca revelou-se positiva, com o vencedor inesperado do Grande Prémio de Itália, em Monza, a terminar o programa na 4.ª posição, a 0,276 s de Bottas!

 

Resultados do terceiro treino livre

1.º Valtteri Bottas, Mercedes-AMG, 1.16,654 m

2.º Lewis Hamilton, Mercedes-AMG, +0,026 s

3.º Max Verstappen, Red Bull-Honda, +0,158 s

4.º Pierre Gasly, AlphaTauri-Honda, +0,276 s

5.º Alexander Albon, Red Bull-Honda, +0,463 s

6.º Charles Leclerc, Ferrari, +0,575 s

7.º Carlos Sainz Jr., McLaren-Renault, +0,584 s

8.º Sergio Pérez, Racing Point-Mercedes, +0,643 s

9.º Lando Norris, McLaren-Renault, +0,824 s

10.º Esteban Ocon, Renault, +1,012 s

11.º Sebastian Vettel, Ferrari, +1,031 s

12.º Daniil Kvyat, AlphaTauri-Honda, +1,066 s

13.º Kimi Räikkönen, Alfa Romeo-Ferrari, +1,268 s

14.º Daniel Ricciardo, Renault, +1,281 s

15.º George Russell, Williams-Mercedes, +1,378 s

16.º Lance Stroll, Racing Point-Mercedes, +1,446 s

17.º Antonio Giovinazzi, Alfa Romeo-Ferrari, +1,547 s

18.º Kevin Magnussen, Haas-Ferrari, +1,633 s

19.º Nicholas Latifi, Williams-Mercedes, +1,743 s

20.º Romain Grosjean, Haas-Ferrari, +1,800 s

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias