Volta à Catalunha: Kaden Groves vence etapa, João Almeida segura 3.º lugar

Ciclismo Volta à Catalunha: Kaden Groves vence etapa, João Almeida segura 3.º lugar

CICLISMO25.03.202318:11

Não houve surpresas e cumpriu-se o guião previsto na penúltima etapa da Volta à Catalunha, que manteve os três primeiros da geral, embora João Almeida (Emirates) tenha mais 5 segundos devido às bonificações nos sprints especiais, em que o líder Primoz Roglic (Jumbo) venceu o primeiro e Remco Evenepoel (Soudal) o segundo, mantendo-se a diferença entre ambos de 10 segundos.

Com apenas uma contagem de montanha e 2,ªcat., o pelotão abriu a porta à fuga de seis ciclistas, Masnada (Soudal), Verona Movistar), Bouchard (AG2R), Onley (DSM), Velasco (Astana e Gregaard (Uno-X), que nunca conseguiram chegar aos dois minutos e foram engolidos pelo pelotão quando as equipas começaram a definir os comboios para uma chegada massiva O australiano Kaden Groves (Alpecin) que sofreu uma avaria a 4 km da meta, recebeu a bicicleta de um companheiro e acabou num sprint lançado por repetir a vitória conseguida dois dias antes na chegada a Sabadell, deixando Bryan Coquard (Cofidis) na segunda posição.

«A cerca de sete quilómetros do final senti que a bicicleta estava em marcha mais lenta, hesitei se parava ou continuava porque poderia ser um furo. Optei  por trocar a bicicleta com Xandro e consegui com a ajuda da equipa chegar ao pelotão. Tinha pensado que poderia vencer e com o vento de costas sprintei com tudo para ganhar e obter a segunda vitória», afirmou Groves.

Uma queda obrigou ao abandono de Egan Bernal (Ineos) num dia em que pelotão chegou ao fim com menos sete ciclistas. A última etapa em Barcelona tem seis passagens pelo Castelo de Montjuich, contagens de montanha de 2.ª cat., a que se juntam dois sprints bonificados, pelo que a diferença entre Roglic e Evenepoel promete espetáculo e emoção até ao fim.