Evra sofreu abusos sexuais na adolescência

França 22-10-2021 17:35
Por Redação

Em entrevista ao The Times antes do lançamento da autobiografia I Love This Game, Patrice Evra, antigo internacional francês e estrela de Manchester United, Juventus, Mónaco, Marselha e West Ham, revelou ter sido vítima de abusos sexuais aos 13 anos.

 

«Foi um momento difícil para mim. Ainda tenho que contar a alguns de meus irmãos, irmãs e amigos próximos. Não quero que as pessoas sintam pena. É uma situação difícil. Uma mãe não espera ouvir isso do seu próprio filho. Foi um grande choque para ela, sentiu muita raiva e disse-me que tinha muita pena, que lamentava o que aconteceu e disse-me para não colocar este assunto no meu livro porque é pessoal, mas quando lhe disse que não é sobre mim, é sobre outras crianças, ela entendeu», contou o ex-lateral-esquerdo, agora com 40 anos de idade.

 

«Sei que o livro vai fazer com que as pessoas mudem de opinião sobre mim, mas sinto-me mais do que feliz ao conversar com as pessoas. Sou uma versão melhor de mim mesmo. Os meus amigos vão dizer que o mundo vai reagir e para eu pensar na pressão, mas pressão maior é contar isto à minha mãe. Pensar nisso mesmo agora é difícil», relatou o francês.

 

Evra também explicou ao The Times que ainda não pensou seriamente em processar o autor do crime, apesar de essa ser a vontade da sua mãe e de o alegado criminoso ter chegado a ser contactado várias vezes pela polícia francesa durante o tempo no Mónaco.

 

O antigo defesa, agora comentador da Sky Sports, chegou ao Manchester United pela mão de Sir Alex Ferguson, contratado aos monegascos e nos diabos vermelhos conquistou uma Liga dos Campeões, em 2008, foi campeão de Inglaterra por cinco vezes e ganhou ainda três Taças da Liga.

Ler Mais
Comentários (3)

Últimas Notícias