Discurso do treinador do Sassuolo contra a Superliga tornou-se viral

Itália 21-04-2021 09:31
Por Hugo Vasconcelos

Entre as muitas críticas à Superliga da parte do mundo do futebol, uma delas ganhou peso ontem, tornando-se viral: a de Roberto De Zerbi, treinador do Sassuolo, que esta quarta-feira defronta o Milan.

 

«Foi como um golpe de estado. É como dizer aos filhos de operários que nunca podem ser médicos. Sinto raiva. Em dezembro estávamos em quarto mas não pedi nada ao meu clube porque sei a situação que enfrentamos. Se esses clubes têm tantas dívidas deveriam perguntar-se como geriram as contas. Fizeram desastres e agora querem que sejam os mais pequenos a pagar, ou os jogadores que sonham disputar a Champions», acusou em conferência de imprensa.

 

«Amanhã [quarta-feira] não queria jogar com o Milan e disse-o ao meu clube. Se me obrigarem vou, mas estou furioso.»

Ler Mais
Comentários (33)

Últimas Notícias