Para o presidente do Brest, «a época acabou»

França 03-04-2020 18:36
Por Paulo Jorge Santos

Denis Le Saint, presidente do Brest, atual 14.º classificado da Ligue 1, afirma que será «inimaginável» retomar a competição esta temporada perante o atual cenário originado pela pandemia Covid-19. Constatando que os jogos à porta fechada «não entusiasmam», Le Saint recusa colocar em risco a vida dos seus jogadores. Neste quadro, o presidente do Brest defende que a única solução passa por cancelar a presente temporada e começar a pensar na próxima.

 

«A saúde é um fator essencial que nos dever levar a tomar decisões fortes. O futebol não é uma prioridade nos dias de hoje. Ninguém está com vontade de entrar num estádio e os jogos à porta fechada não entusiasmam ninguém. Não há qualquer interesse em ter jogos disputados nestas condições. O futebol é uma coisa que se partilha com os outros. O aspeto financeiro é uma coisa, mas a saúde é muito mais importante», garantiu.

«Não vou levar a minha equipa a Paris em maio ou em junho para o jogo com o PSG. Os riscos são demasiado grandes. Tenho muito respeito pelos meus jogadores e pelo meu staff para os fazer correr esses riscos. Do meu ponto de vista, a época acabou. A saída do confinamento vai ser muito longa e progressiva. Não nos vamos poder deslocar. Os belgas querem parar, os italianos e os espanhóis não vão treinar. Nós não podemos retomar a liga», assinalou.

 

A finalizar, Denis Le Saint relegou para segundo plano as consequências financeiras que provocariam o cancelamento da competição: «Não podemos falar de dinheiro no futebol quando há pessoas que estão a perder a vida. Não podemos continuar a todo o custo. Se algumas pessoas quiserem recomeçar será um erro grave. Não podemos desgastar a imagem do futebol. Vamos pagar muito caro por isso. A época acabou. Temos de pensar na próxima e acabar esta definitivamente. É a melhor coisa que podemos fazer.»

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (3)

Últimas Notícias