Ugarte já fez exames mas negócio com o PSG não está fechado: o que falta

Sporting Ugarte já fez exames mas negócio com o PSG não está fechado: o que falta

NACIONAL06.06.202309:53

A operação financeira em torno da transferência de Manuel Ugarte do Sporting para o Paris Saint-Germain não está ainda concluída. Os dois clubes continuam a tentar chegar a uma plataforma de entendimento sobre todos os detalhes da transferência e é por isso que o internacional uruguaio ainda não foi apresentado oficialmente como reforço dos campeões franceses. Contudo, o facto de não haver ainda acordo financeiro entre os clubes não coloca em perigo a transferência, que poderá ser oficializada ainda hoje.


Manuel Ugarte está em Paris e durante o dia de ontem foi submetido aos indispensáveis exames médicos. O acordo entre o jogador e o PSG há muito foi alcançado e está já assinado, com o médio a vincular-se para as próximas cinco temporadas, ou seja, até 2028, passando a auferir um vencimento anual a rondar os cinco milhões de euros líquidos. Mas falta ainda luz verde do Sporting para que tudo possa ser oficializado.


Segundo apurou o nosso jornal, além dos 60 milhões da cláusula de rescisão de Ugarte, há ainda uma diferença entre aquilo que o PSG está disposto a pagar e o que pretende o Sporting. Segundo nos confidenciaram, o clube francês apresentou uma proposta aos leões para o pagamento dos 60 milhões em três anos. Já o Sporting pretende receber a verba no imediato, certamente através de uma operação de factoring que tem custos associados.


Recorde-se que no acordo entre Sporting e Chelsea, que entretanto caiu, os londrinos, além de também pagaram os €60 milhões, estavam disponíveis a custear não apenas os valores referentes ao mecanismo de solidariedade, mas também os custos inerentes da operação financeira de factoring.


O acordo para a transferência de Manuel Ugarte passa pelo pagamento na íntegra dos 60 milhões da cláusula de rescisão. Desse valor, 12 milhões seguirão para o Famalicão que tem direito a receber 20 por cento da venda. E o Sporting tentará neste acordo com o PSG reduzir ao mínimo os custos com a transferência, exigindo também algumas contrapartidas por não receber os 60 milhões a pronto pagamento.


Apesar disso, o entendimento entre os clubes será alcançável e Ugarte deverá ser hoje mesmo apresentado como reforço do PSG para as próximas cinco épocas.
 

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer