Martim Fernandes: do Dragão de Ouro à estreia em Chaves
Martim Fernandes já jogou pela equipa principal do FC Porto

Martim Fernandes: do Dragão de Ouro à estreia em Chaves

NACIONAL22.10.202309:17

Lateral-direito de 17 anos está no FC Porto desde os 11. Foi chamado para dois Europeus por Portugal. Equipa B é onde joga mais tempo

A estreia frente ao Vilar de Perdizes foi apenas o culminar lógico de um futebolista que vive o FC Porto há muitos anos. Martim Fernandes veste o azul e branco desde os 11 anos, depois de ter começado na UD Valonguense.

O lateral-direito é visto como uma das grandes promessas dos dragões e tanto assim é que chegou, juntamente com o também portista Gonçalo Ribeiro, à lista dos mais talentosos jogadores do The Guardian através de A BOLA.

Desde logo, Martim Fernandes estreou-se com apenas 17 anos, o que só por si evidencia uma preparação precoce para entrar na equipa principal, liderada por um treinador que, palavras do próprio Sérgio Conceição, não dá nada a ninguém.

O trabalho no Olival seguramente contou para que Conceição o tivesse lançado, mas fora o que Martim Fernandes produz «dentro de portas», longe dos olhos de analistas, há a produção pública. Foram essas exibições que o levaram a saltar dos sub-15 para os sub-19 de forma direta. Foram elas, também, que o levaram a ser o mais jovem portista a jogar na Youth League: na altura tinha 15 anos.

DOIS EUROPEUS

Nessa contínua evolução, aos 16 chegou à equipa B de António Folha e aos 17 à de Sérgio Conceição. Esse trabalho valeu-lhe um Dragão de Ouro, em setembro, como Atleta Revelação do Ano.

Tudo isso levou a que entrasse na lista do The Guardian, com o jornalista Nuno Travassos, de A BOLA, a apontar: «Um lateral-direito para o futuro: combativo e ofensivo, duro e ousado. O seu potencial não passou despercebido a nível internacional e no verão passado foi convocado para o Campeonato da Europa de sub-17 e sub-19.»

No site especializado Transfermarkt, o valor de mercado de Martim Fernandes é de 500 mil euros. Um valor que poderá ter em conta os escassos minutos na formação principal, mas que está longe do potencial analisado no defesa-direito, natural de Valongo e que completa 18 anos em janeiro.

Refira-se que, na época passada, Martim Fernandes realizou onze jogos pela equipa B e nesta temporada já tem mais sete pela formação secundária dos azuis e brancos.

FELICIDADE PURA

O próprio lateral deu conta do estado de espírito após o primeiro jogo com a camisola principal do clube.

«Olá, portistas. Estou muito feliz pela minha estreia e ainda mais feliz pela vitória que é muito importante neste trajeto. Força, FC Porto!», escreveu logo depois do duelo de anteontem com o Vilar de Perdizes. Chaves ficará para sempre na memória do jovem portista.

Vídeos

shimmer
shimmer
shimmer
shimmer