Hulk deixa de ser capitão por causa dos atritos com os árbitros

Brasil Hulk deixa de ser capitão por causa dos atritos com os árbitros

INTERNACIONAL14.07.202320:56

Hulk, antigo avançado do FC Porto, entregou a braçadeira de capitão do Atlético Mineiro. Foi o próprio a tomar a decisão e Luiz Felipe Scolari, treinador, e Rodrigo Caetano, diretor desportivo do ‘galo’, já foram informados da decisão do experiente jogador, de 36 anos.

O ‘passo atrás’ de Hulk em relação à braçadeira de capitão foi dado devido aos constantes atritos entre o jogador e as equipas de arbitragem ao longo dos últimos tempos.

«Quero informar-vos, e aos nossos adeptos, que falei com o Rodrigo Caetano e com o nosso mister para não usar mais a braçadeira de capitão. Agradeci toda a confiança e toda a responsabilidade que me passaram. Fui capitão em todos os clubes por onde passei. Em Portugal, na Rússia, na China e aqui também. Vocês já viram diversas vezes que mostro a braçadeira e sou sempre ignorado. Então, devido às circunstâncias e a tudo o que tem acontecido, preferi abdicar da braçadeira de capitão», disse Hulk ao Globoesporte como justificação desta decisão.

Esta época, Hulk tem 21 golos e cinco assistências em 31 jogos pelo conjunto de Minas Gerais.

Tags: