Sky obrigada a pagar 131 milhões de euros à Serie A italiana

Desporto 17-02-2021 17:55

A emissora decidiu não efetuar o pagamento da quantia reclamada, realçando que devido à reprogramação do calendário devido à pandemia da Covid-19, deveria haver um desconto no valor a pagar aos clubes italianos. O tribunal não aceitou o argumento da Sky.

José Carlos Lourinho

A estação de televisão italiana Sky foi obrigada a pagar os direitos de televisão da Serie A referentes à temporada 2019/20 no montante de 131 milhões de euros, informou esta quarta o Tribunal de Milão, de acordo com o site “Palco23”.

Perante o incumprimento, a Serie A recorreu à justiça no ano passado pelo facto de não ter recebido a última prestação bimestral da Sky, para solicitar o pagamento de uma percentagem compreendida entre 15% a 18% do contrato referente à temporada 2019/20. O tribunal aceitou o pedido da liga italiana mas a decisão era alvo de recurso.

A emissora decidiu não efetuar o pagamento da quantia reclamada, realçando que devido à reprogramação do calendário devido à pandemia da Covid-19, deveria haver um desconto no valor a pagar aos clubes italianos. O tribunal não aceitou o argumento da Sky e confirmou a emissora terá mesmo que pagar 131 milhões de euros à Serie A.

A Serie A prepara-se para concluir as negociações para se conhecer que empresa irá garantir os direitos de televisão internacionais da principal liga de futebol transalpina até à temporada de 2023/24. A Liga italiana terá recebido 49 propostas.

A Liga italiana de futebol pretende garantir, nestas negociações internacionais, uma soma de 500 milhões de euros por temporada, um montante superior em 120 milhões ao contrato anterior que foi garantido pela IMG, sendo que ainda é provável que as ofertas não tenham alcançado as expectativas pelo impacto da pandemia.

Os direitos internacionais da Serie A são atualmente detidos pela agência IMG em virtude de um acordo de 380 milhões de euros por temporada que abrangeu as temporadas de 2018 a 2021.

Ler Mais