Site de mago das estatísticas norte-americano aponta Sporting como grande favorito a ser campeão

Desporto 17-02-2021 08:05

Leões têm 78% de hipóteses de terminar um jejum que dura desde 2002, segundo as projeções do site norte-americano FiveThirtyEight, dirigido por Nate Silver. Apesar de ter um plantel com um valor mais reduzido do que os dos rivais FC Porto e Benfica, o modelo estatístico levou em conta o aumento da vantagem na Liga NOS quando falta disputar 15 jornadas.

Leonardo Ralha

O site norte-americano FiveThirtyEight, dirigido pelo mago das sondagens eleitorais Nate Silver, juntou-se ao rol daqueles que projetam a conquista do título de campeão português de futebol pelo Sporting. Depois de ter mantido o clube de Alvalade atrás do FC Porto e do Benfica, apesar da conquista de liderança da Liga NOS pelos jogadores treinados por Ruben Amorim, o site ajustou os cálculos com os resultados das últimas jornadas, que aumentaram a vantagem pontual leonina em relação aos rivais, e atribui agora 78% de hipóteses de o Sporting terminar a temporada no primeiro lugar, contra apenas 15% de o mesmo suceder ao campeão em título FC Porto e somente 4% para o Benfica e Sporting de Braga.

Além do enorme favoritismo no que toca ao primeiro lugar, também reconhecido pelo Observatório do Futebol, um organismo suíço que divulgou a projeção do fim de um jejum de títulos de campeão que dura desde 2002, o Sporting tem praticamente garantida a qualificação para a próxima edição da Liga dos Campeões, na qual Portugal terá dois participantes garantidos e um terceiro dependente de qualificação em play-off. Além dos 78% de probabilidades de ser campeão, os verdes e brancos têm 16% de hipóteses de ficar no segundo lugar da Liga NOS, 5% de serem relegados para a terceira posição e apenas 1% de repetirem o quarto lugar da época passada.

A projeção do FiveThirtyEight aponta para que o Sporting venha a obter 81 pontos (tem agora 51, com 15 jogos ainda por disputar), vendo a atual vantagem em relação ao FC Porto reduzida para sete pontos (73), com o Benfica a 12 pontos (69) e o Sporting de Braga logo a seguir, com 13 pontos de desvantagem (68). O quinto lugar, último a dar acesso às competições europeias (nesse caso, como no do quarto lugar, à Liga Europa), será o Paços de Ferreira, que deverá manter o avanço em relação ao Vitória de Guimarães, enquanto o Farense seria forçado a uma liguilha com o terceiro classificado da Segunda Liga, e o Boavista e Famalicão, o qual seria o “lanterna vermelha”, acabariam despromovidos.

Em comparação, o Observatório do Futebol projeta que os sportinguistas celebrem o fim do longo jejum com um total de 82 pontos, a nove pontos do FC Porto (73), enquanto o Sporting de Braga suplantaria o Benfica no último lugar do pódio, e também o derradeiro a permitir aceder à próxima edição da Liga dos Campeões, com 67 pontos para os arsenalistas e 66 para os encarnados.

Poucas hipóteses de manter invencibilidade

Apesar da vantagem leonina, o site norte-americano sustenta que o FC Porto tem 49% de hipóteses de forçar a primeira derrota do Sporting (conta até agora com 16 vitórias e três empates na Liga NOS) aquando da visita dos verdes e brancos ao Estádio do Dragão, a 27 de fevereiro, reduzindo-se as chances de triunfo do Sporting a 25% e o empate a 26%. Caso se verifique esse último cenário, repete-se o resultado da primeira volta, quando houve um empate a 2-2 no Estádio de Alvalade.

Outros possíveis desaires do Sporting, segundo o modelo estatístico do FiveThirtyEight, serão as “visitas” ao Sporting de Braga (com a equipa da casa a ter 39% de hipóteses de vitória, contra 34% de derrota e 28% de empate), marcada para o final de abril, e ao Benfica, na penúltima jornada, tendo os rivais da Segunda Circular 47% de possibilidades de triunfarem sobre o presumível campeão nacional, enquanto o Sporting tem 26% de hipóteses de repetir o triunfo de Alvalade na Luz e 27% de empatar. No entanto, segundo os cálculos do site, é possível que os leões subam ao relvado já com o título garantido.

Sucede que também o FC Porto, que tem 44% de probabilidade de ser vice-campeão e 26% de descer a terceiro, corre riscos de perder mais pontos, nomeadamente frente ao Benfica (o site aponta 44% de hipóteses de vitória dos encarnados, 31% de triunfo azul e branco e 24% de empate), o qual será forçado a outro duelo apertado já em meados de março, pois o Sporting de Braga tem 37% de chances de somar três pontos na receção aos encarnados, que apresentam 38% de hipóteses de triunfar.

Vantagens para os dois clubes de Manchester

O modelo estatístico do FiveThirtyEight, criado por Nate Silver e Jay Boice, baseia-se no índice de poder futebolístico, descrito como a “melhor estimativa da força global de uma equipa”, que se traduz no número de golos que é expectável vir a marcar ou sofrer frente a uma equipa média num campo neutro. Para tal são tidos em conta o desempenho na temporada anterior e o valor de mercado dos plantéis no site Transfermarkt, o que explica a desvantagem inicial do Sporting. Tem 70,5 pontos nesse índice, bastante aquém dos 74,5 pontos do FC Porto e dos 73,1 do Benfica, além de não ficar muito acima dos 65,5 pontos atribuídos ao Sporting de Braga.

A Liga NOS é uma daquelas em que o site apresenta maior certeza quanto ao vencedor, mas ainda assim subsistem mais dúvidas do que na Premier League, onde o Manchester City, que conta com os portugueses Ruben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva, aparece com 98% de hipóteses de ser campeão inglês, tendo o Bayern de Munique 86% de hipóteses de renovar o título alemão. Bastante mais disputados continuam o campeonato espanhol, onde o Atlético de Madrid (515) se vai impondo ao Barcelona (34%) e Real Madrid (12%), tal como o francês, com 58% de hipóteses para o Paris Saint Germain, 22% para o Lille e 18% para o Olympique de Lyon. Ou o italiano, havendo nesse caso más notícias para Cristiano Ronaldo, pois a Juventus tem apenas 18% de revalidar o título, muito atrás do Inter de Milão, que lidera atualmente e soma 59% de hipóteses de conquista do campeonato.

No que toca à Liga dos Campeões lidera também o Manchester City, com 37% de hipóteses de vencer na final, contra 13% do Barcelona, 11% do Bayern de Munqiue, 7% do Liverpool e 6% do Real Madrid. Quanto ao FC Porto, único “sobrevivente” do contingente nacional, surge apenas na 14.ª posição, com 2% de hipóteses de chegar à final e menos de um por cento de vencer.

Também na Liga Europa não há boas perspetivas para os clubes portugueses, embora Bruno Fernandes e o Manchester United sejam os grandes favoritos, com 11% de hipóteses de vencer e 18% de chegar à final. Seguem-se Real Sociedade, Leicester, Arsenal e Nápoles, enquanto o Benfica é apenas 18.º, com 2% de hipóteses de vencer a prova, e o Sporting de Braga segue em 24.º, com 2% de hipóteses de chegar à final.

Ler Mais