Roberto Carlos e a saída de CR7: «Pensei que estava louco»

Real Madrid 09-10-2019 23:46
Por Redação

A antiga referência do Real Madrid, Roberto Carlos, reconheceu que não conseguia acreditar quando viu que Cristiano Ronaldo tinha saído do colosso espanhol.

 

«Cristiano Ronaldo e Messi são duas referências como Eusébio, Maradona e Zidane. Tenho um carinho enorme por Cristiano. Ninguém queria que ele tivesse saído do Real Madrid. Pensei que estava louco quando vi que tinha partido. Ele foi tudo no Real Madrid e ganhou tudo», afirmou Roberto Carlos, em declarações ao Canal 11.

 

O lateral também abordou a sua relação com o técnico Luxemburgo.

 

«Tínhamos o costume de chegar à concentração, deixar as malas e antes do jantar beber uma cerveja ou vinho. Em cima da mesa tínhamos sempre garrafas de vinho. Ronaldo e eu dissemos: “Professor, nós aqui temos costumes, vais ver, mas tenta não mudar. Não tires as garrafas de vinho da mesa e as cervejas antes do jantar, porque caso contrário vamos ter problemas. Que fez? Primeiro tirou as cervejas e depois as garrafas de vinho. Durou três meses. O mundo do futebol é pequeno e notícias chegam rápido à direção e adeus”».

 

O internacional brasileiro falou sobre a sua relação com Ronaldo Nazário.

 

«Conheci-o no ano de 93. Desde esse ano estive sempre com Ronaldo no mesmo quarta da seleção. Dormi mais vezes com Ronaldo do que com a minha mulher.»

 

 

Ler Mais
Comentários (14)

Últimas Notícias