«Jorge Jesus continua o mesmo, a gritar e esbracejar na linha lateral»

Fenerbahçe 22.09.2022 17:40
Por Redação

Aos 30 anos, Willian Arão deixou o Brasil para uma segunda aventura no futebol europeu, ao serviço do Fenerbahçe. Em Istambul, o médio reencontrou Jorge Jesus, com quem teve uma história de sucesso no Brasil.


Em entrevista ao Globoesporte, Arão assume que o treinador português teve importância na mudança.


«Jorge Jesus ligou-me para me explicar o projeto e as expectativas do clube, e disse que contava comigo. Isso é muito importante para um jogador e eu já tinha o sonho de ir para a Europa e jogar as grandes competições. Assim foi mais confortável, ainda que eu tenha que mostrar o trabalho como qualquer outro», atirou.


E questionado sobre as diferenças entre o Jorge Jesus de 2019 e o de 2022, Arão deixou um comentário inusitado.


«As pessoas mudam sempre com o tempo, aprendem coisas novas, mas o Jorge Jesus continua a ser a mesma pessoa apaixonada por futebol, vivendo intensamente, gritando e esbracejando fora de campo. Ensina-nos muito no treino e está a ser ótimo trabalhar com ele», concluiu.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias