«Só penso no Boca, mas não está fácil, não sei que equipa vamos apresentar»

Corinthians 26.06.2022 08:52
Por Redação

O Corinthians de Vítor Pereira empatou a zero com o Santos, na 14.ª jornada do Brasileirão, com o treinador a admitir que estava já a pensar nos oitavos de final da Taça Libertadores: na próxima terça-feira recebe o Boca Juniors.

Para tal, foram seis as alterações em relação à goleada precisamente sobre o Santos (4-0), conseguida na última quarta-feira para a Taça.


O treinador poupou Fagner, João Victor, Lucas Piton, Giuliano, Willian e Róger Guedes, tendo algumas limitações por lesão. «No meio, Maycon está fora, Renato está lesionado. Cantillo está fora por castigo. Na frente não tínhamos o Róger, apostamos no Felipe. O Júnior Moraes estava parado e tentou ajudar, mas estava há muito tempo fora. O cenário é este. Não posso dizer mais nada», comentou Vítor Pereira.


«Naturalmente que, quando temos de mudar, temos de mudar e o jogo menos controlado. Sabíamos que correríamos esse risco, mas temos que o correr», vincou ainda, falando então da Libertadores:


«Estamos a passar uma fase... Acaba um jogo e começo a pensar na equipa que vou apresentar a seguir. Não está fácil, não está fácil. Mas o Corinthians é feito de homens de luta.  Já estou com o Boca na cabeça. Vamos ter treino de recuperação amanhã [domingo]. Na segunda, ainda recuperar. Na terça vamos jogar outra vez. Não temos que viajar. Têm surgido lesões em todas as equipas, todos os clubes estão com jogadores lesionados porque é desumano. Vou confessar uma coisa: estou mais preocupado com a nossa equipa do que com o Boca. Embora reconheça qualidade e que eles estão mais fortes, tenho que perceber quem estará disponível para enfrentar o Boca. Teremos de abordar o jogo não da forma que quero, mas da possível. Tudo vai depender dos ovos que teremos para fazer a omelete. Vamos ver qual omelete será possível. Não sei, sou honesto, teremos que pensar muito.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias