«Este jogo não é para esquecer, é para lembrar»

FC Porto 03-03-2021 22:37
Por Redação

Sérgio Conceição era o rosto da desilusão após a derrota (2-3) com o SC Braga, no Estádio do Dragão, que afastou o FC Porto da final da Taça de Portugal.

 

«Sofrer três golos em 30 minutos deixa tudo muito difícil. Nunca baixámos os braços, não faz parte do ADN da equipa, mas o jogo começa quando o árbitro apita e acaba quando o árbitro apita. Não podíamos entrar como entrámos, com erros primários. O SC Braga entrou bem, marcou em dois erros individuais. Depois surgiu o lance do terceiro golo, numa falta que me parece inexistente. Foram três remates na baliza e três golos, e ainda uma bola na trave. Foi um início de jogo mau, que não tem a ver com a história desta equipa e deste clube», analisou, em declarações à TVI 24.

 

«Depois fizemos o golo, houve a expulsão do jogador do SC Braga e a partir daí não houve mais jogo. Tivemos o controlo do jogo, mas sem tanto discernimento como esperava. Voltámos a marcar e podíamos ter marcado noutras ocasiões. Os dois jogos não me deixaram convencido, falando especificamente do jogo de hoje, o SC Braga mereceu», reconheceu o treinador dos azuis e brancos.

 

Alterações na equipa titular: «Assumo sempre a responsabilidade pelo onze que faço e penso ser o melhor. É preciso que os jogadores estejam a 100 por cento fisicamente para a estratégia de jogo. Zaidu e Sérgio Oliveira estavam mais limitados do que os jogadores que entraram. Mas isso não é desculpa, qualquer jogador do plantel do FC Porto que entre tem de dar uma resposta melhor nos primeiros 25 minutos.»

 

Margem para mexer: «Por vezes culpam-me por fazer substituições tardias. Faço o que devo fazer, tudo é pensado em função daquilo que temos à disposição. Importante agora é baixar a cabeça, não levantar, e pensar naquilo que fizemos hoje. Porque este jogo não é para esquecer, é para lembrar.»

 

Derrota e eliminação pesam: «Hoje e amanhã pesa, naquilo que vai ser o início da preparação do jogo com o Gil Vicente. Temos de dar uma resposta de acordo com a nossa equipa e continuar na luta pelo campeonato. Ainda há objetivos a atingir: o campeonato e continuar na Liga dos Campeões.»

Ler Mais
Comentários (199)

Últimas Notícias