Revolução à espera de Jesus

Benfica 13-07-2020 10:06
Por Paulo Alves

São muitos os dossiers em stand by na SAD do Benfica a aguardar a decisão fundamental: o anúncio do nome do novo treinador para a época 2020/2021. Jorge Jesus é o homem de quem se fala, mas falta ainda o sim do português de 65 anos para poder começar a arrumar-se a casa.

 

E nesse sentido esta bem pode ser semana decisiva: o Flamengo de Jesus tem dois jogos decisivos para se definir o campeão estadual do Rio de Janeiro (o primeiro deles foi ontem, o segundo na madrugada de quinta-feira) e tudo aponta que só depois disso surgirá fumo branco quanto ao futuro do homem que conquistou três títulos de campeão nacional pelas águias.

 

Na SAD encarnada a convicção é que Jesus aceitará voltar à Luz... a não acontecer isso será surpresa que obrigará Luís Filipe Vieira a recorrer a outros nomes também em cima da mesa como Unai Emery, na linha da frente.

 

Esta é, portanto, a prioridade máxima: acertar quanto antes o novo treinador. Para a partir daí começarem a ser estudados os restantes processos relacionados com saídas (seja por vendas ou por opção), entradas, definir o futuro em relação aos emprestados, avaliar possíveis regressos de jogadores que estiveram cedidos.

 

Revolução à vista

 

Numa das últimas declarações sobre o futebol português, Jesus desafiou a darem-lhe o nome de «um bom jogador estrangeiro de qualquer uma das três equipas grandes portuguesas». «Isso é um sinal de que as três equipas não estão tão fortes como estavam. Nos outros anos, FC Porto e Benfica tinham grandes jogadores estrangeiros».

 

O técnico considera que o plantel encarnado tem pouca qualidade e necessita de reforços de vulto não só para voltar a superiorizar-se no futebol nacional mas também para permitir boa figura nas competições europeias.

 

Leia a notícia na íntegra na edição impressa ou na edição digital de A BOLA

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (140)

Últimas Notícias