Covid-19: ministra da Saúde confirma duas primeiras mortes no país

Angola 29-03-2020 23:46
Por Redação

A ministra da Saúde de Angola, Sílvia Lutucuta, admitiu este domingo, dia em que Angola, onde já se contam sete infetados pela pandemia do Covid-19 (todos casos importado, viajaram de Portugal, disse), registou as duas primeiras vítimas mortais da epidemia, que os números negros poderão escalar no país caso a quarentena imposta pelo Governo de João Lourenço, no quadro do estado de emergência em vigor, não for cumprida pelos cidadãos.

 

Numa conferência de imprensa realizada em Luanda, a responsável acentuou «o risco de um aumento acelerado de infeções nos próximos 15 dias» (até meio do mês de abril do corrente ano) pelo Covid-19 se as normas de isolamento social não forem acatadas pelos cidadãos.

 

Sílvia Lutucuta apelou à «colaboração de todos os angolanos» no combate ao flagelo.

 

«Isolar, isolar, isolar em caso de rastreio positivo» foi a palavra de ordem repisada pela ministra, para evitar a propagação rápida do contágio de uma pandemia que já colocou cerca de um milhar de cidadãos em quarentena por suspeita de infeção.

 

«Andar na rua sem necessidade, não», vincou a responsável de um país onde outras patologias típicas da região, como a malária, tuberculose e subnutrição, associadas à Covid-19, podem, como reconheceu, redundar em devastadora mortandade.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Últimas Notícias